Diário: 17/03/2017

sexta-feira

17

março 2017

0

COMENTÁRIOS

Termina prazo para estudantes na lista de espera do Fies concluirem inscrição

Por , Em notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Os estudantes na lista de espera do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) têm até hoje (17) para verificar se foram pré-selecionados. A informação fica na página do Fies, no boletim de acompanhamento de cada candidato. Caso seja pré-selecionado, o estudante deve acessar o Sistema Informatizado do Fies (SisFies) e fazer a inscrição.

Pelas regras do programa, o aluno deve ficar atento ao boletim, pois terá cinco dias úteis após ser pré-selecionado para informar os dados solicitados no sistema. A pré-seleção ocorre desde o dia 14 de fevereiro. O prazo se encerraria no último dia 3, mas foi estendido pelo Ministério da Educação. No ato da inscrição, o candidato deve escolher a instituição bancária e a agência de sua preferência.

Depois de inscrito no sistema, o estudante deve validar as informações na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da instituição de educação superior em até dez dias. Por mais dez dias, o candidato (ou os seus fiadores) deve comparecer a um agente financeiro do Fies para formalizar a contratação do financiamento.

sexta-feira

17

março 2017

0

COMENTÁRIOS

Índice de infestação do Aedes Aegypti chega a 24% em bairros de Caicó

Por , Em notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Preocupante o índice de infestação do mosquito Aedes Aegypti, através do mais recente LIRA (Levantamento de Índice Rápido de Infestação). Os dados foram apresentados por Francisco Batista, responsável pelo setor de endemias da 4ª Regional de Saúde, no Panorama 95 desta sexta (17) na Rural FM.

Confira os dados:

  • João Paulo II – 24,4%
  • Walfredo Gurgel – 18,3%
  • João XXIII – 13,4%
  • Jardim Satélite – 13,3%
  • Paulo VI – 9,0%
  • Castelo Branco – 8,9%
  • Nova Descoberta – 8,6%
  • Boa Passagem – 7,8%
  • Canutos e Filhos – 7,4%
  • Paraíba – 7,9%
  • Acampamento – 6,7%
  • Barra Nova – 6,7%
  • Adjuto Dias – 6,7%
  • Samanaú – 5,6%
  • Soledade – 5,0%
  • Vila Altiva – 4,1%
  • Alto da Boa Vista – 3,3%
  • Penedo – 3,2%
  • Maynard – 2,4%
  • Nova Caicó – 2,4%
  • Cento – 2,1%

Os bairros não citados apresentaram índice 0,0 ou a representação de pesquisa é relativa pequena, e não significa que não tenha a presença do mosquito.

sexta-feira

17

março 2017

0

COMENTÁRIOS

Novo titular da Semarh visita complexo de obras da Barragem de Oiticica

Por , Em notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

BARRAGEM-DA-OITICICA-VISITA-1200-696x391

O Secretário Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Ivan Júnior, fez uma visita, ao complexo de obras que envolvem a construção da Barragem de Oiticica, em Jucurutu.

O Secretário adjunto, Mairton França, o adjunto da Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e Apoio à Reforma Agrária (Seara), Antônio Carlos, e a equipe técnica da Semarh e da KL, empresa supervisora da obra, também participaram da vistoria técnica.

Além de verificar a estrutura da parede principal do reservatório, toda equipe também conferiu as obras de preparação do terreno (terraplenagem) para construção dos prédios da nova Barra de Santana e as escavações dos jazigos do novo cemitério, equipamento indicado pelos moradores como prioritário a ser entregue. De acordo com Ivan, as obras da Barragem de Oiticica seguem em ritmo Normal.

Também já foi iniciada a construção das unidades habitacionais para moradores inquilinos. O Governo do Estado, por meio da Companhia de Habitação e Desenvolvimento Urbano do RN (Cehab), órgão vinculado à Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), aderiu ao Programa de Subsídio à Habitação de Interesse Social (PSH), do Ministério das cidades, para viabilizar moradia própria a quem mora de aluguel em Barra de Santana.

A Barragem de Oiticica, que custará R$ 415 milhões, beneficiará diretamente 350 mil habitantes em 17 municípios do estado. Indiretamente a obra, com capacidade para 560 milhões de metros cúbicos, atenderá toda a população dos municípios do Seridó, Vale do Açu e região Central do Rio Grande do Norte, beneficiando mais de 500 mil pessoas.

Além do aumento da oferta de água para a região Seridó, a barragem de Oiticica também vai contribuir para reduzir o risco de inundações no Vale do Açu, e irá integrar o complexo de obras do Programa de Integração do São Francisco.