Diário: 01/01/2018

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

City confirma lesão no ligamento do joelho de Jesus, que diz: “Não é muito séria”

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Manchester City divulgou, na noite desta segunda-feira, que o atacante Gabriel Jesus sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho esquerdo. O clube inglês declarou que fará exames mais específicos nos próximos dias para saber o nível da lesão e ter uma previsão de retorno aos gramados. Pouco depois, o próprio atleta se manifestou e disse que não precisará passar por cirurgia.

– Hoje fiz um exame no joelho esquerdo que diagnosticou uma pequena lesão no ligamento colateral medial! Graças a Deus não é uma lesão muito séria e não preciso passar por nenhum procedimento cirúrgico. Volto o mais rápido possivel! Obrigado por todas as mensagens de apoio e pensamento positivo! Feliz ano novo! 2018 promete!!! – postou o atacante.

O jogador se lesionou no primeiro tempo do empate por 0 a 0 com o Crystal Palace e precisou ser substituído aos 21 minutos. Após a partida, o técnico Pep Guardiola afirmou que o atacante ficaria fora “por um ou dois meses”.

Recentemente, três jogadores no futebol brasileiro sofreram problema semelhante ao de Jesus. Willian Farias, do Vitória, sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito em julho e precisou ser submetido a uma cirurgia. O volante voltou aos gramados quatro meses depois, em novembro.

O Flamengo teve dois jogadores com a mesma lesão. No início de abril, o meia Diego se lesionou na partida contra o Atlético-PR, passou por atroscopia, e voltou aos gramados no início de junho. O zagueiro Réver demorou menos tempo. Em cerca de um mês, o defensor, que não foi submetido a cirurgia, se recuperou da lesão no joelho esquerdo.

Se voltar a jogar em março, Gabriel Jesus estaria à disposição para os próximos compromissos da Seleção, os amistosos contra Rússia e Alemanha nos dias 22 e 27 de março. Pelo Manchester City, poderia retornar para o segundo jogo das oitavas de final da Liga dos Campeões, contra o Basel, marcado para o dia 7 de março na Inglaterra.

 

 

G1

Powered by WPeMatico

_banner-fabricio-otica

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Maduro anuncia aumento de 40% no salário mínimo venezuelano

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

nicolas-maduroO presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou aumento de 40% no valor do salário mínimo, das pensões e dos salários de funcionários públicos. Este é o sétimo aumento do ano. A medida foi uma nova tentativa para neutralizar a explosão de preços em uma economia com hiperinflação como a venezuelana. As informações são da Agência EFE.

“Anuncio o aumento de 40% do salário mínimo nacional e de todas as tabelas salariais em nível nacional, de professores, professoras, militares, policiais, médicos, médicas, funcionários públicos”, disse Maduro neste domingo (31) durante discurso de fim de ano.

Maduro decretou também aumento de quase o dobro do bônus de alimentação conhecido como “cestaticket”. O objetivo foi garantir “a proteção do direito à alimentação do povo”, explicou. Com o somatório do salário e do cestaticket, os trabalhadores vão receber pelo menos 797.510 bolívares, cerca de R$ 787 segundo a taxa de câmbio oficial.

Powered by WPeMatico

logo-radioserido3-1

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Tarifa branca pode baratear conta de luz a partir de hoje

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

A partir de hoje (1º) uma nova modalidade tarifária de energia elétrica estará disponível para consumidores com média mensal superior a 500 quilowatt/hora (kWh) e para novas ligações. É a tarifa branca, que mostra a variação do valor da energia conforme o dia e o horário do consumo e será oferecida para unidades consumidoras que atendidas em baixa tensão, como residências e pequenos comércios.

Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), todas as distribuidoras do país deverão atender aos pedidos de adesão à tarifa branca das novas ligações e dos consumidores com média mensal superior a 500 kWh.

A tarifa branca dá ao consumidor a possibilidade de pagar valores diferentes em função da hora e do dia da semana em que a energia elétrica é consumida. Se o consumidor usar a energia elétrica nos períodos de menor demanda, como pela manhã, início da tarde e de madrugada, por exemplo, o valor pago pela energia consumida será menor.

Se o consumidor, porém, achar que a tarifa branca não apresenta vantagem, ele pode solicitar sua volta à tarifa convencional. A distribuidora terá 30 dias para atender o pedido. Todavia, se voltar à tarifa branca, o consumidor terá um período de carência de 180 dias. Por isso, é importante que, antes de optar pela tarifa branca, o consumidor examine seu perfil de consumo para ver qual tarifa lhe atende melhor.

Powered by WPeMatico

logo-radioserido3-1

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Salário mínimo para suprir necessidades deveria ser de R$ 3.731,39

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

salario-minimo-valor

Para o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos, o Dieese, o valor do salário mínimo proposta para 2018 ainda está longe do valor considerado “necessário” para suprir as despesas de uma família de quatro pessoas com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência. Segundo o cálculo do órgão, a remuneração ideal deveria ser de R$ 3.731,39 em novembro deste ano.

Powered by WPeMatico

_banner-fabricio-otica

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Forças Armadas restauraram a ordem no Rio Grande do Norte, diz Jungmann

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Raul JungmanDurante entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira (1°), em Natal, no Rio Grande do Norte, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, fez um balanço da atuação das Forças Armadas no estado nos últimos três dias e disse que o quadro de violência que aterrorizou a população potiguar nas últimas semanas, desde o início da greve de policias militares, civis e bombeiros, está sob controle.

“Todos os indicadores, seja de morte, roubo, assalto, seja o que for, todos caíram verticalmente. Ou seja, o que nós prometemos ao povo do Rio Grande do Norte, nós entregamos”, disse Jungmann.

Desde o início da paralisação, no dia 19 de dezembro, até a manhã de domingo (31), 94 mortes violentas haviam sido registradas no estado, a maioria na região metropolitana de Natal e Mossoró. Somente na última sexta-feira (29), antes do início da Operação Potiguar III, das Forças Armadas, 18 mortes foram contabilizadas.

No dia 30, já com os militares na rua, o número caiu para 11. No dia 31, foram duas mortes. E após quase duas semanas registrando recordes nos índices de violência, o Rio Grande do Norte teve uma noite de réveillon considerada tranquila.

Powered by WPeMatico

_banner-fabricio-otica

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Janeiro Branco alerta para a importância de debater e difundir o conceito de saúde mental

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

JANEIRO BRANCOSimbolicamente, o mês de janeiro marca um recomeço. É nesse período que muita gente recarrega as baterias para cumprir as promessas de Ano Novo e renovam-se os planos e os projetos em busca da felicidade, realizações, conquistas, de tornar, enfim, a vida “menos pesada”.

Um grupo de psicólogos de Uberlândia (MG) criou o “Janeiro Branco”, uma campanha que aproveita o momento de reflexão e estimula as pessoas a pensarem sobre o destino de suas vidas, valorizando as emoções e dando espaço legítimo a elas.

Como os números de dependentes químicos, pessoas com depressão e ansiedade têm aumentado bastante, essa campanha alerta para a prevenção de transtornos e busca promover a chamada “psicoeducação”, que privilegia a saúde mental e auxilia as pessoas a se observarem, a respeitar os outros e a desenvolver relações humanas mais saudáveis – uma questão de necessidade e saúde pública. A escolha da cor branca como símbolo é justamente uma forma de incentivar a criação de uma cultura nacional de valorização da subjetividade humana, de forma que possamos combater estereótipos que ainda cercam e prejudicam a saúde mental. Os exemplos são muitos: gordofobia, homofobia, preconceito racial, religioso…

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

A partir de hoje, divulgação de pesquisas eleitorais só com registros

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

09eleicoes2010A partir de 1º de janeiro de 2018, as entidades e as empresas que realizarem pesquisas de opinião pública sobre as eleições ou candidatos, para conhecimento público, serão obrigadas a registrar cada pesquisa no Juízo Eleitoral ao qual compete fazer o registro dos candidatos.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou a resolução que dispõe sobre pesquisas eleitorais para as eleições. O documento disciplina os procedimentos relativos ao registro e à posterior divulgação, por qualquer meio de comunicação, de pesquisas de opinião pública para as eleições aos cargos de presidente da República, governador, senador e deputados federal, estadual e distrital.

Entre outras determinações, a resolução dispõe que, a partir de 1º de janeiro de 2018, as entidades e as empresas que realizarem pesquisas de opinião pública sobre as eleições ou candidatos, para conhecimento público, serão obrigadas a registrar cada pesquisa no Juízo Eleitoral ao qual compete fazer o registro dos candidatos. O registro da pesquisa deve ocorrer com antecedência mínima de cinco dias de sua divulgação.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Ex-secretária de educação de Caicó morre aos 80 anos

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

EX-SECRETÁRIAMorreu na madrugada desta segunda-feira (01/01), a ex-secretária de educação do município de Caicó, Francisca Alves de Medeiros Figueiredo. Dona Francisca Figueiredo, como era conhecia, exerceu os cargos de chefe de gabinete na gestão do ex-prefeito Dadá Costa e secretária de educação na gestão do ex-prefeito Nilson Dias. Além disso, ela foi chefe do antigo 10º Núcleo de Educação Regional de Caicó, atual 10ª Dired.

Francisca nasceu em 04 de outubro de 1937, em Santa Luzia PB, filha mais velha dentre os 08 filhos do casal Cazuza Cadete e Maria Justina Alves de Medeiros Cadete, viúva e mãe de dois filhos e 06 netos, formou um filho e os 06 netos, o último a cerca de 20 dias atrás.

Teve toda uma vida dedicada a educação aqui na cidade de Caicó. Formada em Pedagogia pela UFRN, foi professora da rede estadual de ensino, na Escola Normal de Caicó, Diretora da Escola Vilagran Cabrita, Diretora da Escola Profissional do Bairro Paraíba e Professora do Curso de Pedagogia da UFRN, campi de Caicó. O velório de Francisca Figueiredo será no salão do Sempre e o sepultamento está marcado para às 16 hs do dia 02, portanto, nessa terça feira, em Caicó.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

EUA: adolescente é acusado de matar sua família na véspera de Ano Novo

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Um adolescente de Nova Jersey, Estados Unidos, permanecia sob custódia policial nesta segunda-feira, 1º, após ser acusado de atirar em sua família na véspera de Ano Novo com um rifle semiautomático, disseram as autoridades.

Um adolescente de Nova Jersey, Estados Unidos, permanecia sob custódia policial nesta segunda-feira, 1º, após ser acusado de atirar em sua família na véspera de Ano Novo com um rifle semiautomático, disseram as autoridades.

A polícia chegou a uma casa da cidade de Long Branch, 90 km ao sul de Nova York, às 23H43 locais de domingo em resposta a um aviso de tiros, e encontrou quatro pessoas mortas, informou o promotor do condado de Monmouth, Christopher Gramiccioni, em um comunicado.

As vítimas são o pai do suspeito, Steven Kologi, de 44 anos; a mãe, Linda Kologi, de 42; sua irmã, Brittany Kologi, de 18; e uma amiga da família, Mary Schultz, de 70.
O irmão e o avô do suspeito, cujo nome não foi revelado, conseguiram deixar a casa e não sofreram danos, afirmou Gramiccioni em uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira, de acordo com a ABC News.

Os promotores não informaram de nenhum possível motivo para os assassinatos, que o menino de 16 anos teria cometido com um rifle semiautomático Century Arms.
O adolescente foi detido, e deve ser acusado como um adulto por quatro homicídios e posse de arma com propósito ilegal.

 

G1

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Em recorde histórico, RN registrou 2,4 mil mortes violentas em 2017

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Rio Grande do Norte registrou 2.405 homicídios no ano de 2017. De acordo com o Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO) – instituto que contabiliza os crimes contra a vida no estado – nunca se matou tanto em toda a história do estado. No geral, o total de assassinatos é 20,5% maior que a quantidade registrada em todo o ano de 2016.

Ainda de acordo com o instituto, o número de homicídos no RN havia diminuído em 2015, quando o estado registrou 1.670 assassinatos, ante 1.772 em 2014. Porém, desde 2016 o número vem crescendo e atingiu a marca histórica de 2 mil mortos em menos de um ano em outubro de 2017. Confira abaixo gráfico com os números de mortes violentas no estado nos últimos quatro anos.

A crescente onda de violência que atinge o território potiguar fez o estado perder, em média, mais de seis pessoas por dia. Em 2015, esse número não chegava a cinco. Confira a média de homícídos diários no Rio Grande do Norte desde 2014.

Com informações do G1/RN

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Rebelião deixa mortos e feridos em presídio de Aparecida de Goiânia

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Um grupo de detentos do regime semiaberto faz uma rebelião na tarde desta segunda-feira (1º) na Colônia Agroindustrial, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital. A assessoria de imprensa da Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap) confirmou que há mortos e feridos no local. No entanto, o órgão ainda aguarda a contagem para divulgar números oficiais.

O Corpo de Bombeiros informou que existem pelo menos dez feridos. Eles foram encaminhados ao Hospital de Urgências de Aparecida de Goiânia (Huapa). Ainda não há informações sobre o estado de saúde deles. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu) também foi chamado para ajudar no socorro médico.

Em nota, a SSPAP informou que a rebelião foi provocada depois que presos da ala C invadiram a ala B, onde ficam detentos rivais. Neste momento, a unidade prisional foi incendiada.

Os bombeiros foram acionados para atuar no combate ao fogo, que formou uma grande nuvem de fumaça.

Agentes do Grupo de Operações Penitenciárias Especiais (Gope) atuam no local com apoio do Batalhão de Choque e do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer), ambos da vinculados à Polícia Militar.

 

G1

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Promessas dos políticos: em 1 ano de mandato, prefeitos cumpriram 18% dos compromissos de campanha

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

No primeiro ano de mandato, os prefeitos de todas as capitais do Brasil cumpriram 18% das promessas que fizeram durante a campanha eleitoral de 2016. É o que mostra levantamento do G1 considerando 1.040 compromissos assumidos pelos então candidatos antes de serem eleitos. A relação completa por estado está na página especial “As promessas dos políticos”.

Os dados mostram ainda que 20% das promessas foram cumpridas parcialmente – ou seja, ainda há pendências para que o trabalho seja considerado entregue. Já as promessas que ainda não foram cumpridas pelo governo municipal na atual gestão são 58%. Veja no gráfico abaixo:

Em números absolutos, o resultado da avaliação das promessas foi:
Total de promessas: 1.040
Cumpridas: 192
Cumpridas em parte: 207
Não cumpridas: 605
Não avaliadas: 36

 

G1

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Prefeito do Rio de Janeiro culpa Jogos Olímpicos de 2016 por crise

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), aponta os Jogos Olímpicos do Rio como culpado por pelo menos parte da crise financeira pela qual passa a capital fluminense. A cidade tem enfrentado problemas nas mais diversas áreas, como saúde e transporte. A dívida do município bateu nos R$ 12 bilhões em 2017, sendo que cerca de 41% desse total seriam motivados por gastos com obras de mobilidade urbana realizadas em função da Olimpíada.

Ao longo do ano, hospitais municipais registraram superlotação, falta de insumos, equipamentos danificados e atrasos de pagamentos. Pelo menos duas empresas de ônibus que atendem ao município deixaram de operar. Outras estão em litígio com a Prefeitura. Crivella se defende culpando a falta de recursos que, segundo ele, foi agravada pela queda da arrecadação e pelo alto custo das parcelas da dívida do município. O prefeito credita à Olimpíada boa parte delas.

“Nós estamos renegociando a nossa dívida. Quanto é que nós temos para pagar este ano? R$ 1,5 bilhão!”, disse o prefeito na última quinta-feira. “A dívida total é de R$ 10 bilhões. A gente sempre ouve dizer o seguinte: ‘não teve dinheiro público na Olimpíada’. Dez bilhões de reais nós temos de dívidas!”

Questionada pelo Estado, a Secretaria Municipal de Fazenda informou que o valor devido pela cidade do Rio de Janeiro é ainda maior. “Em 31 de outubro deste ano, a dívida contratual financeira do município era da ordem de R$ 12 bilhões”, declarou a pasta, em nota oficial. “Cerca de R$ 5 bilhões são referentes a obras de mobilidade urbana realizadas na cidade em função dos Jogos Olímpicos.”

As obras de mobilidade sempre foram apresentadas pelos organizadores dos Jogos Olímpicos como um dos principais legados da competição. A cidade do Rio de Janeiro foi responsável por cinco grandes obras de mobilidade urbana, a maior parte delas com conexão à Barra da Tijuca, onde está o Parque Olímpico. No Centro da cidade, foram implantadas duas linhas do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

Durante a preparação dos Jogos do Rio, o ex-prefeito Eduardo Paes (PMDB) costumava dizer que “a Olimpíada é transformadora” e defendia os gastos com os Jogos. Segundo o ex-prefeito, a competição olímpica seria financiada com 60% de recursos privados.

Paes rebateu o comentário de Crivella sobre a relação entre o endividamento do município e a realização dos Jogos do Rio-2016, mas não negou as informações apontadas pela Secretaria Municipal da Fazenda. “Não se contraiu um real de dívida para se construir qualquer estádio para a Olimpíada. Todos já estão pagos”, sustentou o ex-prefeito, por meio de sua assessoria.

Paes disse que, quando assumiu a prefeitura para o primeiro mandato, em 2009, “a dívida do município era de R$ 14,6 bilhões, valor que correspondia a 8,4% das despesas do orçamento”. Ao deixar a administração no final de 2016, continua o ex-prefeito, “o valor era de R$ 11,8 bilhões, correspondendo a apenas 2,9% das despesas”. “Fizemos a Olimpíada e entregamos uma dívida menor do que a que encontramos”, garante Paes.

 

Estadão

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Forças Armadas fizeram réveillon tranquilo no RN, diz ministro da Defesa

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Rio Grande do Norte registrou um réveillon tranquilo, afirmou nesta segunda-feira (1º) o ministro da Defesa, Raul Jungmann. Durante entrevista coletiva realizada em Natal, para falar sobre as ações da Operação Potiguar III, que começou no final de semana, ele ainda pediu que policiais potiguares retomem o trabalho nas ruas. As Forças Armadas foram enviadas ao estado, a pedido do governo estadual, durante paralisação dos policiais militares, bombeiros e policiais civis, que começou no último dia 19 de dezembro.

“A Segurança que as Forças Armadas proporciona se espalhou em todos os tipos de delitos”, declarou o ministro. Segundo dados apresentados pela operação, enquanto na sexta-feira (29), foram registrados 18 homicídios no estado, o número caiu para 11 no sábado (30), dois no dia 31 e apenas um neste dia primeiro de janeiro. Ainda de acordo com o ministro, houve uma “queda vertical” nos registros de outros delitos, como arrombamentos.
Segundo dados apresentados pelo tenente coronel Igor Lessa Pasinato, chefe do Estado Maior das Operações Guararapes (a Potiguar III), cerca de 380 ações, como patrulhamentos e rondas foram realizadas ao longo do período. Entre 90 e 100 viaturas com militares estavam nas ruas durante a noite de virada de ano, conforme o comandante.

“Considerando as milhares de pessoas que estavam nas ruas, o resultado é excelente. Prometemos trazer tranquilidade e cumprimos. Entregamos tudo o que prometemos”, declarou o ministro.
Jungmann, porém, reforçou que a presença das forças armadas não podem ser regra no estado. Esta é a terceira operação de garantia da lei e da ordem no estado, desde 2016. “É uma situação extraordinária, que não pode perdurar. A constituição não permite e é muito onerosa. Cumpre ao estado restaurar a segurança aos cidadãos”, declarou.

 

G1/RN

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Botão nuclear está na minha mesa’, diz líder norte-coreano Kim Jong-un

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, disse nesta segunda-feira, durante uma mensagem de Ano Novo na emissora estatal, que os Estados Unidos nunca poderão iniciar uma guerra contra a Coreia do Norte. Kim afirmou que o país desenvolveu a capacidade de atacar todo o continente americano com armas nucleares. O líder norte-coreano disse ainda que um “botão nuclear” está sempre em sua mesa.

“Todos os Estados Unidos estão dentro do alcance de nossas armas nucleares, e um botão nuclear está sempre na minha mesa. Esta é a realidade, não uma ameaça”, disse Kim durante um discurso televisivo do Ano Novo.

Segundo Kim Jong-un, a Coreia deverá se concentrar na produção em massa de ogivas nucleares.

“Este ano, devemos nos concentrar na produção em massa de ogivas nucleares e mísseis balísticos para implantação operacional”, disse Kim. “Essas armas serão usadas somente se nossa segurança estiver ameaçada”.

A Coreia do Norte testou mísseis balísticos intercontinentais, desafiando as advertências e sanções internacionais, suscitando receios de um novo conflito na península coreana.

Kim disse que é imperativo baixar as tensões militares na península coreana e melhorar os laços com o Sul, acrescentando que o caminho para o diálogo estava aberto. O líder da Coreia do Norte disse também que vai considerar o envio de uma delegação aos Jogos de Olimpíadas de Inverno em Pyeongchang, Coréia do Sul, em fevereiro.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Lesão de Gabriel Jesus acende alerta sobre opções de ataque na seleção

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Gabriel Jesus encerrou 2017 deixando um susto para o Manchester City e um alerta para a seleção brasileira. O jovem atacante, de 20 anos, torceu o joelho e deixou o campo chorando no empate em 0 a 0 com o Crystal Palace, em Londres, no último dia do ano. O empate encerrou a sequência de 18 vitórias da equipe na Premier League.

A lesão aconteceu aos dez minutos do primeiro tempo. Gabriel Jesus tentava girar diante da marcação de Townsend, do Crystal Palace, e se desequilibrou quando esticava as duas pernas em direções opostas. O resultado foi uma torção no joelho esquerdo, o que imediatamente levou o atacante brasileiro ao chão. Gabriel tentou seguir em campo, mas não suportou as dores e deixou o campo pouco depois, sem conter as lágrimas, substituído pouco depois pelo argentino Agüero.

Depois da partida, o técnico Pep Guardiola esfriou as previsões mais pessimistas e indicou que espera o jogador recuperado bem antes da Copa do Mundo. O atacante passará por exames nesta segunda-feira para identificar o grau exato da lesão.

– Gabriel Jesus está machucado. Ele ficará fora talvez por um ou dois meses – projetou Guardiola.

Fernandinho, colega de Gabriel Jesus no Manchester City e na seleção, foi mais reticente do que o treinador e preferiu aguardar o resultado dos exames médicos. O primeiro temor foi de ruptura de ligamento cruzado, tipo de lesão que normalmente mais seis meses de recuperação. Segundo o “Globoesporte.com”, no entanto, a principal suspeita é de lesão no ligamento colateral, com prazo de até três meses para retorno aos gramados. Titular da seleção brasileira sob o comando de Tite, Jesus deixou o estádio de muletas e com uma imobilização na altura do joelho.

– Gabriel fará um exame para saber qual é a real lesão. Ainda é muito precoce para saber. Todas as precauções estão sendo tomadas – disse Fernandinho. – Ele fará os exames quando chegar em Manchester, e aí sim saberemos. Vamos torcer para que não seja nada sério, que ele volte o mais rápido possível para nos ajudar também na seleção.

Caso o prazo dado por Guardiola se confirme, Gabriel Jesus não será desfalque para a seleção brasileira nem mesmo nos amistosos antes da Copa. O Brasil tem jogos marcados contra a Rússia, no dia 23 de março, em Moscou, e contra a Alemanha, dia 27, em Berlim.

 

GE

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Rio Grande do Norte registra 94 homicídios desde o início da greve da polícia

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Em 13 dias de paralisação da Polícia Civil e Polícia Militar, o Rio Grande do Norte registrou 94 homicídios até a manhã deste domingo, dia 31. A quantidade representa um aumento de 28% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registradas 73 mortes violentas.

A chegada de 2.800 homens das Forças Armadas não alterou as estatísticas de homicídios. Somente na sexta-feira, 29, data em que parte das tropas foi às ruas, ocorreram 17 crimes do tipo. A data foi marcada por ter registrado a maior quantidade de óbitos desde o início das paralisações, no último dia 19.

Segundo levantamento do Observatório da Violência Letal Intencional (Obvio), instituto de contabiliza as mortes violentas no estado, antes da paralisação das polícias, a média era de 4,83 homicídios por dia. Durante as mobilizações esse número aumentou para 7,67.

O especialista em segurança pública e coordenador do Obvio, Ivênio Hermes, avalia que a chegada das Forças Armadas não inibe esse tipo de crime no estado. Desde 1º de janeiro até 31 de dezembro, foram contabilizados 2.403 homicídios, 20% a mais do mesmo período de 2016, quando o ano foi encerrado com 1.995 mortes.

— Será necessária uma operação tipo ocupação, com as Forças Armadas patrulhando o interior dos bairros, saindo apenas dos corredores de segurança para poder frear um pouco a onda de violência — analisa Hermes.

Um dos casos de homicídio foi de um senhor de 60 anos, em Extremoz, cidade da região metropolitana de Natal. Segundo informações da Polícia Civil, o senhor estaria em uma calçada próximo de sua residência quando foi surpreendido por outras duas pessoas, que o matou com pauladas. Até o momento, ninguém foi preso pelo crime.

 

O Globo

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Militar é encontrado morto dentro de alojamento durante operação das Forças Armadas no RN

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

exercito3Um militar das Forças Armadas brasileiras foi encontrado morto dentro do alojamento montado pela Operação Potiguar III em um ginásio de Mossoró, na região Oeste potiguar. O caso aconteceu na madrugada desta segunda-feira (1º) e foi confirmado pela comunicação do Exército. Cerca de 2,8 mil homens foram enviados ao Rio Grande do Norte neste final de semana para reforçar a segurança do estado, que enfrenta uma paralisação de policiais e bombeiros desde o dia 19.

Informações como o nome, a idade e a patente do militar não foram divulgadas. As motivações da morte também não foram informadas. Uma equipe da Delegacia de Plantão de Mossoró foi até o ginásio Pedro Ciarlini, no bairro Bom Jardim, por volta das 7h desta segunda, mas foi impedida de entrar no local.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Segunda vítima do acidente com a Van do cantor Juninho Sanfoneiro

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

vítimaO jovem Jonathan, que também integrava a equipe de profissionais da banda do cantor Juninho Sanfoneiro, morreu em Natal em decorrência de trauma devido o grave acidente ocorrido na noite do dia 30, próximo a São João do Sabugi, onde a banda se apresentaria.

De acordo com um familiar, Jonathan teve complicações na madrugada, e sua morte cerebral foi notificada nas primeiras horas do dia 01 de janeiro. O corpo do jovem será transladado para Caicó ainda hoje. Família não informou local e hora do sepultamento.

Jonathan viajaria pela primeira vez com a banda de Juninho Sanfoneiro em substituição ao produtor musical Rafael Souza, que não cumpriu a agenda da banda no dia 30 devido um compromisso na capital do estado, assim contactou Jonathan para substituí-lo.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Governo abre 2018 com ministério bem diferente do prometido quando presidente assumiu

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O presidente Michel Temer chega ao primeiro dia de seu último ano de mandato com um ministério bem diferente daquele prometido quando ele assumiu o Planalto. Os “notáveis” deram espaço a políticos, o número de pastas aumentou durante o governo, ministros denunciados continuaram no cargo e líderes partidários foram trocados por parlamentares do baixo clero. Em abril, o desenho ministerial deve mudar por causa das eleições, já que esse é o limite para a permanência à frente das pastas de quem desejar ser candidato.

A cara do ministério continuará mudando, porque mais de uma dezena de ministros, cerca de metade, deve ser dispensada até abril, com planos de disputar eleições. Um deles deve ser o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. O chefe da equipe econômica é um dos nomes do governo para se candidatar à Presidência, ainda que tenha índices incipientes de intenção de voto. Os outros prováveis postulantes terão o mandato encerrado no ano que vem e precisarão buscar reeleição. Isso garante a manutenção do foro privilegiado e é estratégico no contexto da Operação Lava-Jato, que atingiu parte considerável do mundo político.

O plano original de Temer era que a maioria dos ministros-candidatos saísse ainda em novembro, com o desembarque tucano deflagrado pela demissão de Bruno Araújo (Cidades), do PSDB. Não deu certo. A pressão partidária foi maior para que os pré-candidatos continuassem sob os holofotes e estrutura da máquina pública e ações de governo.

 

O Globo

Powered by WPeMatico

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

segunda-feira

1

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

45 milhões de pessoas passam a receber salário de 954 reais a partir de hoje

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

DINHEIROO presidente da República, Michel Temer, assinou decreto que aumenta o valor do salário mínimo para R$ 954. O reajuste foi concedido nesta sexta-feira (29). Com a mudança, o piso nacional aumentou em R$ 17. Antes dessa alteração, ele estava em R$ 937.

No Brasil, aproximadamente 45 milhões de pessoas recebem um salário mínimo. Nesse cálculo estão pensionistas e aposentados, que têm os rendimentos pagos pelo governo federal. Para reajustar o salário mínimo, o governo precisa seguir uma fórmula: soma-se a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior (no caso, o de 2016) com o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes.

Powered by WPeMatico