Diário: 29/01/2018

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Legalização de jogos de azar pode ser votada em 2018

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

jogos de azarO projeto que autoriza e regulamenta a exploração do jogo do bicho, bingos, cassinos, apostas esportivas e não esportivas deve voltar à pauta da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado e pode ser votado ainda neste ano.

A proposta é do senador Ciro Nogueira, do PP do Piauí, mas foi transformada pelo relator Benedito de Lira, do PP de Alagoas, que prefere usar o termo “jogos de fortuna” ao invés de “jogos de azar”. O autor do projeto defende a necessidade de estipular um marco regulatório para a exploração destes jogos no Brasil.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Setor de cartões propõe acabar com o parcelado sem juros

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

cartoes_de_creditoO setor de cartões apresentou ao Banco Central (BC) no início deste mês uma proposta para substituir a modalidade conhecida como “parcelado sem juros” dos cartões de crédito por um modelo de crediário a ser oferecido ao consumidor. A mudança viria acompanhada de uma redução no prazo de pagamento aos lojistas.

A ideia faz parte de um conjunto de medidas que as empresas de cartões vêm debatendo desde o fim de 2016, a pedido do órgão regulador, para reduzir custos, ampliar o uso desse meio de pagamento e aproximar o modelo brasileiro das práticas internacionais.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Acordo tem cinco pontos não cumpridos dentro do prazo

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Após quase 20 dias do Termo de Compromisso e Acordo Judicial firmado entre o Governo do RN e os representantes das associações dos militares estaduais, cinco dos pontos listados no documento não foram cumpridos pelo Governo. Na tarde desta segunda-feira (29), os policiais e bombeiros militares praças se reuniram na sede da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais Militares do RN (ASSPMBMRN) para analisar a situação.

De acordo com o presidente da ASSPMBMRN, subtenente Eliabe Marques, a reunião é uma continuidade à mobilização dos militares. “Nossa luta não acabou quando o Governo assinou o Termo. Estamos acompanhando tudo, porque queremos ver todas as questões efetivadas”, ressalta o presidente. Ele acrescenta que na próxima segunda-feira, dia 5, haverá uma nova Assembleia, para discutir também o calendário de pagamento dos salários de janeiro.

Abaixo os pontos não cumpridos:

– Exigência da execução integral do contrato de locação de viaturas utilizadas no Corpo de Bombeiros do RN e na Polícia Militar do RN, principalmente no tocante à manutenção dos veículos – deveria ter sido efetivado de imediato após o Acordo;

– Efetivação das datas de promoção – prazo vencido em 12 de janeiro;

-Envio da Lei Orgânica Básica, Código de Ética e Estatuto da PMRN à Assembleia Legislativa do RN para votação – deveriam ter sido enviadas até o dia 25 de janeiro;

– Melhoria do Centro Integrado de Apoio Social ao Policial (CIASP) – não teve nenhuma ação neste sentido desde o Acordo;

– Mudança na escala de guaritas dos presídios, se adequando à legislação castrense em vigor (repousar quatro horas a cada duas horas trabalhadas) – deveria ter sido cumprido de imediato.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Entidades empresariais de Caicó enviam ofício ao SEMARH solicitando esclarecimentos acerca do abastecimento hídrico no RN

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Preocupados com a escassez de água que desencadeia diversos problemas sociais, os empresários caicoenses que fazem parte das entidades ACISC, CDL e Sindcomércio enviaram um ofício no dia 10 de janeiro de 2018 ao senhor Ivan Lopes Júnior, Secretário de Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte (Semarh).

O documento aborda a falta de água e cobra um posicionamento do Semarh a respeito de como se dará a distribuição da mesma no estado, mais especificamente no Seridó, caso este seja mais um ano de baixos índices pluviométricos. O ofício questiona também a demora para que as águas provenientes da transposição do Rio São Francisco cheguem em terras potiguares.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Brasileiro em lua de mel morre ao cair de mureta em Roma

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Um turista brasileiro de 28 anos morreu no último domingo (28) ao cair de uma mureta na margem do rio Tibre, em Roma. O episódio ocorreu por volta de 16h (horário local), nos arredores do Castel Sant’Angelo.

Segundo o Consulado-Geral do Brasil na capital italiana, o turista viajava em lua de mel com a esposa e também estava acompanhado de um casal de amigos. O grupo havia se sentado na mureta da avenida que margeia o Tibre e que fica a uma altura considerável em relação ao rio.

Em determinado momento, o brasileiro perdeu o equilíbrio e caiu sobre a área de concreto ao lado do Tibre. Ele ainda chegou a ser levado com sinais vitais a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Procurado pela ANSA , o cônsul-adjunto do Brasil em Roma, Carlos Suzuki, afirmou que não se sabe mais detalhes sobre as circunstâncias da queda. “Designei uma colaboradora do consulado, tradutora no tribunal, para acompanhar o depoimento da família, mas ainda não há conclusões”, disse.

O caso é investigado pela polícia italiana, e o Consulado declarou que “continua à disposição” da esposa da vítima.

 

ANSA

Powered by WPeMatico

banner-CDS-1

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Segurança do Carnaval Multicultural terá reforço do patrulhamento ostensivo da Guarda Municipal

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Guarda-Municipal-do-Natal-e1449786814984

A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) por intermédio do Comando da Guarda Municipal do Natal (GMN) preparou um plano de ação para contribuir com a segurança do Carnaval Multicultural promovido pela Prefeitura da capital. Guardas municipais utilizando viaturas vão patrulhar regulamente os oito pontos de folia compreendidos pelos polos Petrópolis, Ponta Negra, Redinha, Centro Histórico, Ribeira, Rocas, Nazaré e Praia dos Artistas.

Durante os seis dias de festejos (08 a 13/02) o efetivo do serviço regular, como também guardas municipais de serviço extra, estarão atuando na segurança da folia. Mesmo os agentes lotados em unidades fixas fora do âmbito do local onde acontece os shows vão se manter alertas para qualquer eventualidade. O Comando da GMN vai utilizar guardas municipais dos grupamentos operacionais da instituição, como os da Ronda Ostensiva Municipal (Romu), Ação Ambiental (Gaam), Ação Patrimonial (Gapa) e da Ronda Saúde (RondaS). Esse último vai patrulhar as maiores e mais movimentadas unidades de saúde do município, a exemplo do Hospital Municipal de Natal e das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

As áreas monitoradas pelo sistema de câmeras de segurança do município, gerenciado pelo Gabinete de Gestão Integrada Municipal da Semdes e pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), se manterá com agentes atentos as imagens captadas nas áreas onde acontece a folia e nos locais de circulação de pessoas e veículos nas proximidades do evento.

Powered by WPeMatico

logo-radioserido3-1

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Em nota, associação de juízes federais defende Marcelo Bretas

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Por meio de nota pública, a Associação dos Juízes Federais do Rio de Janeiro e Espírito Santo (Ajuferjes) defendeu o juiz Marcelo Bretas, questionado por receber auxílo-moradia mesmo tendo imóvel na cidade onde trabalha, assim como sua mulher, a juíza Simone Diniz Bretas. De acordo com o texto, as perguntas sobre esses pagamentos fazem parte de uma “constante campanha para tentar desmoralizar os juízes federais brasileiros”.

Para a Ajuferjes, o fato de Bretas e Simone Diniz receberem ajuda de custo para moradia não é algo imoral ou ilegal. A associação diz ainda que o “propósito da Justiça Federal em aplicar a Lei de forma igual e imparcial para todos”, além de sugerir o interesse de corruptos nesse tipo de questionamento. A nota é assinada por Fabrício Fernandes de Castro, juiz federal e presidente da associação. Nesta segunda-feira, Bretas publicou a nota em sua conta pessoal no Twitter.

Uma resolução publicada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em 2014, proíbe que dois membros de um casal recebam auxílio-moradia ao mesmo tempo. Ainda assim, Bretas recebe o auxílio desde 2015, quando ganhou o direito depois de uma ação na justiça. Em nota enviada à imprensa, o CNJ reconheceu que a decisão favorável ao juiz Marcelo Bretas contraria sua resolução, mas admitiu que não pode impedir o pagamento.

 

O Globo

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Santa Cruz de Natal goleia na Arena das Dunas e afunda Força e Luz na lanterna

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

santa_cruz_de_natalO Santa Cruz de Natal emplacou a segunda vitória seguida no Campeonato Potiguar. O Tricolor passou por cima do Força e Luz na tarde desta segunda-feira, na Arena das Dunas. O triunfo por 3 a 0 foi construído com gols de Capacete, Xilu e Denilson.

Com o resultado, o Santa passa a somar sete pontos, ainda na quinta posição – fica atrás do Assu apenas no saldo de gols -, e mantém a esperança de brigar pela ponta da tabela. Hoje, o time de Fernando Tonet está cinco pontos atrás do líder América-RN.

Ainda sem pontuar e afundado na lanterna, o Força e Luz volta a campo no domingo, contra o Potiguar, em Mossoró. O próximo compromisso do Santa é novamente na Arena das Dunas, na segunda-feira, diante do Baraúnas.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Detento é encontrado morto dentro de cadeia na Zona Norte de Natal

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

joão chavesUm detento foi encontrado morto nesta segunda-feira (29) no Complexo Penal João Chaves, na Zona Norte de Natal. De acordo com a Companhia de Guarda Penitenciária, Autran da Silva Barbosa estava dentro de uma cela, pendurado pelo pescoço por uma corda. Contudo a polícia ainda não precisou se ele cometeu suicídio, ou se foi assassinado.

Ainda segundo a Guarda Penitenciária, Autran Barbosa foi preso por assalto. Ele cumpria em regime semiaberto, no entanto deixou de voltar ao presídio para dormir após o dia na rua, como determina a lei. Por esse motivo, havia regredido ao regime fechado recentemente. Nesta segunda (29) foi encontrado morto.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Gostaria que Lula disputasse eleições e fosse vencido no voto, diz Temer

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

LULAO presidente Michel Temer afirmou nesta segunda-feira, em entrevista à rádio Bandeirantes, que gostaria que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disputasse as eleições de outubro e fosse derrotado no voto, alegando que uma derrota do petista nas urnas “pacificaria” o país.

“Do ponto de vista do quadro político eu pessoalmente apreciaria que ele não tivesse essas responsabilizações todas, pudesse disputar a eleição e fosse vencido no voto. Isso pacificaria o país. Essa fórmula da sua não participação, tensiona o país”, defendeu Temer.

“Eu pessoalmente penso que, do ponto de vista essencialmente político, se ele tivesse como participar das eleições e eventualmente ser derrotado, seria mais tranquilo.”

Questionado se o ex-presidente, condenado na semana passada em segunda instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, estaria “morto politicamente”, Temer avaliou que não. Poderia, disse, estar morto “eleitoralmente”, se não puder concorrer.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Preço da gasolina nas bombas volta a subir na semana, segundo ANP

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O preço médio da gasolina para o consumidor final subiu pela 13ª semana seguida, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (29) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O valor médio por litro passou de R$ 4,183 para R$ 4,198, uma elevação de 0,35%. Na mesma semana, a Petrobras baixou o preço do combustível nas refinarias em 0,52%, seguindo sua política de preços de reajustes quase diários com o objetivo de acompanhar as cotações internacionais. O repasse ou não para o consumidor final depende dos postos.

Essa política foi adotada pela Petrobras em julho de 2017, mesmo mês em que o governo elevou os impostos sobre os combustíveis. Desde então, o preço médio da gasolina para o consumidor final calculado pela ANP já acumula alta de 19,6%.

 

G1

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

No Twitter, Bretas responde petista e defende auxílio-moradia: ‘Talvez devesse ficar chorando’

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O juiz Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato no Rio, rebateu no Twitter o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) na manhã desta segunda (29). O petista questionou o juiz sobre a informação revelada pelo “Painel” de que ele e a mulher, também juíza, recebem auxílio-moradia, apesar do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) proibir a remuneração a casais que morem sob o mesmo teto.

O pagamento do benefício foi alvo de questionamento na Ouvidoria da Justiça Federal.

“Dr. Marcelo Bretas, qual a tua explicação por receber auxílio-moradia, tua mulher também e terem imóvel próprio?”, perguntou Teixeira.

Em resposta ao parlamentar, Bretas afirmou que “o direito em questão foi assegurado a cada magistrado individualmente” e que, no seu caso, “foi concedido em processo judicial (público), com contraditório, proposto em face da União”.

Mais cedo, Bretas já havia usado a rede social para ironizar o recebimento do benefício.

“Pois é, tenho esse ‘estranho’ hábito. Sempre que penso ter direito a algo eu vou à Justiça e peço. Talvez devesse ficar chorando num canto ou pegar escondido ou à força. Mas, como tenho medo de merecer algum castigo, peço na Justiça o meu direito”.

Em réplica, Teixeira disse que o “pedido em si é imoral” e que a decisão judicial “foi dada por corporativismo”.

A resolução do CNJ foi elaborada depois de o ministro Luiz Fux, do STF, ter liberado o pagamento do auxílio a todos os juízes do país, em 2014. O conselho vedou o repasse da verba “ao magistrado que residir com quem perceba vantagem da mesma natureza”.

Na ação em que conquistaram o direito ao auxílio, Bretas e os colegas alegaram que a determinação do CNJ fere a Lei da Magistratura e confere tratamento díspar a integrantes da mesma classe. Primeiro, o grupo obteve uma liminar. Em 2015, a decisão foi confirmada.

Painel – Folha de São Paulo

 

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Sérgio Moro ordena leilão de quatro imóveis de José Dirceu

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

José DirceuQuatro imóveis pertencentes ao ex-ministro José Dirceu (PT) foram enviados a leilão pelo juiz Sérgio Moro. São duas casal na capital paulista, uma em Vinhedo, no interior do estado, e outra em Passa Quatro, em Minas Gerais, onde morava a mãe do petista.

“O condenado (José Dirceu) mostrou que não tem condições ou não quer permanecer com os imóveis, já que não está pagando as parcelas do financiamento ou o IPTU ou o condomínio. Não se pode admitir o esvaziamento do confisco, meio para recuperação do produto de crime de corrupção, pela omissão do condenado”, diz trecho da decisão do juiz publicado pelo jornal O Estado de S. Paulo. As datas dos leilões ainda não foram definidas.

José Dirceu foi condenado em primeira instância, em duas ações, a um total 32 anos e 1 mês de prisão – um processo por 20 anos e 10 meses e outro por 11 anos e 3 meses. Em segunda instância, o TRF-4 julgou até o momento a primeira ação, pela qual aumentou a pena para 30 anos e 9 meses por corrupção passiva, pertinência a organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Emparn registra chuvas no interior do RN durante fim de semana

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

chuva-rn-emparn-fim-de-semana-26-a-29-de-janeiroA Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) registrou chuvas em 50 postos de medição espalhados pelo Estado. Os municípios do Oeste Potiguar foram os mais atingidos entre às 7 horas de sexta-feira (26) e às 7 horas desta segunda-feira (29)

Em Messias Targino e em Venha Ver, a Emparn registrou 35 milímetros de chuvas. Já em Serra do Mel foram 28,5 mm de precipitação.

Entretanto, o maior volume individual foi anotado na mesorregião Centra Potiguar. Em Ouro Branco, divisa com a Paraíba, o órgão contabilizou 40,5 milímetros de chuvas.

Já em Natal, a Emparn anotou apenas 2,3 milímetros de precipitação nas últimas 72 horas.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Contas do governo registram rombo de R$ 124 bilhões em 2017

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

As contas do governo registraram déficit primário de R$ 124,4 bilhões em 2017, o equivalente a 1,9% do Produto Interno Bruto (PIB), informou nesta segunda-feira (29) a Secretaria do Tesouro Nacional.

Isso significa que as despesas do governo federal no ano passado superaram as receitas (impostos e tributos) em R$ 124,4 bilhões. Chama-se de déficit primário porque o valor não inclui os gastos do governo com juros da dívida pública.

Foi o quarto ano seguido de rombo nas contas públicas e o segundo pior resultado da história. Houve, entretanto, melhora frente ao déficit primário do ano passado, que atingiu o recorde de R$ 161,27 bilhões (valor resvisado), o equivalente a 2,6% do PIB.

No ano passado, a meta fiscal do governo federal era de déficit de até R$ 159 bilhões. Ou seja, o governo tinha permissão do Congresso para que as suas despesas susperassem as receitas em até R$ 159 bilhões.

Portanto, apesar de alto, o rombo de R$ 124,2 bilhões nas contas públicas registrado em 2017 ficou abaixo da meta.

As receitas totais subiram 1,6% em termos reais (após o abatimento da inflação) no ano passado, para R$ 1,38 trilhão.

Já as despesas totais registraram queda real de 1% em 2017, na comparação com o ano anterior, para R$ 1,27 trilhão.

Receita extra e corte no investimento

Entretanto, o governo só conseguiu esse resultado porque obteve receitas extraordinárias no ano passado e reduziu fortemente os investimentos e os gastos públicos.

Receitas

Entre as receitas extras estão os R$ 26 bilhões arrecadados no ano passado de contribuintes que aderiram ao Refis, o programa de parcelamento de débitos tributários; o processo de restituição de precatórios não sacados (cerca de R$ 11 bilhões), além de receitas com concessões e privatizações, entre elas os R$ 12 bilhões vindos do leilão de hidrelétricas.

O governo obteve ainda recursos extras com o aumento do imposto sobre combustíveis e foi ajudado pela alta no preço do petróleo, que incrementou as receitas com “royalties”. O retorno do crescimento econômico, que impulsionou a arrecadação federal, também contribuiu.

Corte de gastos

Além de contar com a alta da arrecadação, o governo também apertou o cinto e bloqueou parte dos gastos discricionários, ou seja, aqueles passíveis de cortes.

Por conta disso, alguns serviços públicos foram afetados, como a emissão de passaportes – que chegou a ser paralisada -, além de recursos para as faculdades e para a fiscalização do trabalho escravo.

>>>>> Os investimentos somaram R$ 45,69 bilhões em 2017, cerca de 0,7% do PIB, o que representa uma queda de R$ 19,11 bilhões em relação ao patamar do ano anterior, quando totalizaram R$ 64,81 bilhões, ou 1,04% do PIB.

Segundo o Tesouro Nacional, em percentual do PIB, significa que os investimentos em 2017 ficaram abaixo do patamar de 2006, ou seja, em mais de dez anos.

“Mesmo com a ampliação da disponibilidade financeira no mês de dezembro de 2017, o valor acumulado no ano foi 31,9% menor do que em 2016”, informou o órgão.

Rombo da Previdência

A Secretaria do Tesouro Nacional também confirmou que o rombo da Previdência Social (sistema público que atende aos trabalhadores do setor privado) avançou de R$ 149,73 bilhões em 2016 para R$ 182,45 bilhões em 2017, um aumento de 21,8%.

Juntamente com o déficit dos Regimes Próprios dos Servidores Públicos (RPPS) da União, o rombo previdenciário atingiu a marca recorde de R$ 268,8 bilhões em 2017. Os números já haviam sido divulgados na semana passada pela Secretaria de Previdência.

Para 2018, a expectativa do governo é de um novo crescimento no rombo do INSS. A previsão que consta no orçamento já aprovado pelo Congresso Nacional é de um resultado negativo de R$ 192,84 bilhões.

Por conta dos seguidos déficits bilionários, o governo propôs ao Congresso uma reforma da Previdência, que parou no Congresso em maio após o aparecimendo das primeiras denúncias envolvendo o presidente Michel Temer.

No fim do ano passado, a equipe econômica retomou as discussões sobre a reforma da Previdência e deu aval para uma proposta mais enxuta, sem alterações na previdência dos trabalhadores rurais e nas regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

O governo tem defendido que a proposta seja votada no Congresso em fevereiro.

Dividendos, concessões e subsídios

Segundo o governo, as receitas com concessões cresceram no ano passado, ao somarem R$ 32,1 bilhões. Em 2016, foram de R$ 21,9 bilhões. O aumento foi de R$ 10,19 bilhões.

Ao mesmo tempo, o governo recolheu mais com dividendos (parcelas do lucro) das empresas estatais no ano passado. De acordo com o Tesouro Nacional, os dividendos somaram R$ 5,51 bilhões em 2017, contra R$ 2,84 bilhões em 2016 e R$ 12 bilhões em 2015.

No caso dos subsídios e subvenções, houve queda no ano passado. Em 2017, somaram R$ 18,65 bilhões, contra R$ 23,32 bilhões em 2016. Ainda assim, estão acima da média histórica de R$ 7,25 bilhões.

G1

 

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Metade dos brasileiros não controla o orçamento, diz pesquisa

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Cuidar das contas da casa é um problema para 45% dos brasileiros, segundo mostra uma pesquisa realizada em novembro do ano passado em todo o país pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas).

De cada 10 brasileiros, 8 não conseguiram pagar todas as contas usando apenas o que ganhava em algum período de 2017.

A situação é ainda pior para as pessoas com idade entre 35 e 49 anos. Dessas, quase 87% não conseguiram fechar as contas do mês somente com o próprio orçamento.

Sem corte na carne

A saída foi cortar despesas — 40% disseram que mudaram seus hábitos de consumo, comprando coisas mais baratas e fazendo pesquisa de preço.

“Mas não são cortes na carne, pensados, programados, foi só para apagar incêndio. Isso mostra que o brasileiro não aprendeu nada com a crise”, afirma o educador financeiro do SPC Brasil, José Vignoli. “Assim que a situação melhora, a pessoa volta aos velhos hábitos de consumo e não faz nada que dê resultados no médio e longo prazo”, ele afirma.

Para economizar e fechar as contas, as pessoas pararam de comprar roupas e sapatos (20%) ou reduzir pacotes de TV por assinatura, internet e celular (15%), por exemplo. Essa falta de dinheiro também fez com que tomassem atitudes financeiras mais arriscadas, como cobrir as despesas usando o cartão de crédito (14%), pedir dinheiro emprestado a amigos e familiares (14%) e pedir empréstimos em bancos e financeiras (12%).

Reserva financeira

Isso evidencia a falta de uma reserva financeira, que ajudaria as pessoas a não se afundarem nas dívidas, afirma o educador.

A reserva financeira é o primeiro passo para começar a poupar. Deve corresponder a seis meses de todas as despesas da casa. Por exemplo: se as despesas mensais forem de R$ 5.000, o valor da reserva financeira deve ser de R$ 30 mil. E esse dinheiro deve ser guardado em uma poupança, fundo DI, Tesouro Selic ou outra aplicação que permita saque imediato.
Essa reserva ajudou 16% a fecharem as contas quando faltou dinheiro, mostra a pesquisa.

Confiar na memória

O controle do orçamento é feito de maneira precária, afirma Vignoli, porque as pessoas acham que sabem o que gastam. 21% dos entrevistados disseram confiar na memória para administrar os recursos financeiros. “Isso é muito ruim, porque o que se guarda na cabeça são apenas as grandes despesas. Mas são as pequenas despesas que fazem com que as pessoas afundem”, diz Vignoli.

Viver fora do padrão e querer mostrar uma situação que não tem também é causa de aperto. Ele conta o caso de uma corretora de imóveis que tinha renda variável e vivia afundada em dívidas. “Ela mantinha um carro muito acima dos seus padrões para impressionar os clientes. E chegava a se endividar para presentear toda a família”, diz. Feito os cortes nos gastos, a corretora se tornou uma investidora.

R7

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Lojistas em Natal esperam aumento de 15% das vendas por causa do Carnaval

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Fotos: Marco Polo

O período do carnaval de Natal representa aquecimento da economia, principalmente nos últimos anos com a retomada da festa na cidade. Este ano, os lojistas que investem em adereços carnavalescos, esperam atingir índice de vendas 15% maior do que no ano passado, que já havia sido comemorado pelo setor.

Em 2017, segundo pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio – IPDC, o Carnaval Multicultural de Natal movimentou R$ 40 milhões na cidade, dentro de uma análise de perfil e gastos do público durante o período.

Um dos segmentos do comércio local que ganha fôlego são as lojas de adereços carnavalescos. São lojas de artigos de armarinho, acessórios e bijuterias que neste período investem em produtos direcionados para o Carnaval, oferecendo opções de compras para todas as idades. São desde grandes e tradicionais lojas do comércio de rua da Cidade Alta e do Alecrim, até lojas de shoppings, sem contar os artesãos que também investem em peças de adereços carnavalescos.

De acordo com a gerente da loja Mil Opções, Jailza Queiroz, uma das maiores do Centro e do Alecrim, este período representa um aumento nas vendas e a expectativa é de que atinja os 15%. “Investimos e trabalhamos para atingir um aumento em cima do ano passado de 15% ou, no mínimo, 10%”, afirma. Este ano a loja já registra melhores vendas do que no ano passado em torno de 5%, mas a previsão dos lojistas é das vendas aquecerem ainda mais nos próximos dias.

“Já superamos as vendas do ano passado”, afirma a caixa da Loja Espaço Jóias em Aço, também no Centro da cidade, Aline Lopes. Ela comemora o investimento feito para este período, tomando como base o ano passado. Também voltada para a venda de acessórios e bijuterias, nos últimos anos a loja recebe uma nova roupagem com seções específicas para adereços, fantasias e maquiagem para o carnaval.

“O que mais tem sido procurado pelos clientes são os adereços de cabelo para as mulheres, maquiagem com cores vivas e gliter e bijuterias coloridas também”, afirma Aline. As fantasias infantis também têm grande procura, como as tradicionais do Batman, Homem Aranha e Homem de Ferro, além de Abelhinhas, Unicórnios, tiaras de cabelos dos mais variados materiais e cores. As alternativas mais procuradas pelas mulheres são adereços de cabelo como orquídeas (já bem procuradas no início do verão), tiara de pequenas flores, colares e brincos de conchas. Os preços, segundo os lojistas, cabem no bolso de todos os consumidores.

2017

Segundo os dados analisados pelo Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio – IPDC, o público total do ano passado no Carnaval Multicultural de Natal, ultrapassou as 450 mil pessoas (452.670), superando o ano de 2016, no qual o público estimado foi de 392 mil presentes. Em 2015, a marca atingida foi de 325 mil participantes. Deste público, cerca de 82 mil são turistas.

Com relação ao movimento econômico da cidade, apesar da crise no ano passado ter exercido forte impacto nos gastos da festa, tanto de natalenses quanto de turistas, os dados do IPDC reforçam a importância do evento para a cidade e para o comércio local. Em 2017 foi movimentado na cidade mais de R$ 40 milhões; em 2016, R$ 39 milhões (R$ 39.062.159,54), dados comemorados pela Federação do Comércio do Rio Grande do Norte e pela Prefeitura de Natal.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Jogar futebol melhora saúde cardiovascular e reduz gordura corporal

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Melhora da aptidão física e prevenção de doenças são alguns benefícios de praticar atividade física regularmente. Treinos de musculação e aeróbicos comprovadamente melhoram a saúde cardiovascular e a aptidão musculoesquelética. No entanto, não haviam dados de se os esportes conseguiriam o mesmo impacto positivo.

Em 2015, estudos destacaram que tanto o futebol quanto a corrida trazem benefícios para a saúde. E, agora, um novo estudo, publicado no British Journal of Sports Medicine, concluiu que treinar futebol é eficaz e melhora a saúde cardiovascular, metabólica e musculoesquelética.

No estudo, os pesquisadores avaliaram homens e mulheres não treinados com idades de 18 a 75 anos. Eles foram submetidos a seis meses de treinos de futebol com duração de uma hora durante duas vezes por semana.

O resultado foi melhora na aptidão física, redução de gordura corporal, colesterol LDL (ruim) e diminuição da pressão arterial –nos pacientes com hipertensão leve a moderada.

“Os resultados enfatizam claramente que o treinamento de futebol é intenso, eficaz e versátil, pois combina HIIT, resistência e força”, explica Peter Krustrup, um dos autores do estudo e professor e chefe da Unidade de Pesquisa em Ciências do Esporte e da Saúde da Universidade do Sul da Dinamarca.

De acordo com os pesquisadores, o treinamento de futebol a curto prazo é tão eficaz quanto medicamentos contra a pressão arterial elevada e tão efetivo quanto o treinamento HIIT em termos de aumento da aptidão aeróbica. “Esse treinamento diminui o risco de doenças cardiovasculares em mais de 50% e pode reduzir consideravelmente o risco de morte”, fala Krustrup.

No estudo, o tipo de treino de futebol feito não era exatamente o jogo competitivo que vemos na televisão. Apelidado de “Football Fitness”, a modalidade consiste em um aquecimento completo, com exercícios de força, equilíbrio e drible, seguidos de jogos com pouco tempo de duração. É que os treinos menores só tem 1/5 do risco de lesão em comparação aos jogos mais longos.

Segundo os pesquisadores, esse tipo de partida pode ser jogado por todos, independentemente da idade, sexo, nível de experiência de futebol e aptidão física.

UOL

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Ponto de captação da Caern em Jardim de Piranhas só da para abastecer Caicó por 30 dias

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Apesar da notícia animadora que o rio Piranhas voltou a aumentar seu nível na cidade de Jardim de Piranhas, as autoridades alertam que mesmo cheio, o barramento localizado no ponto de captação da Caern, só é capaz de abastecer o município de Caicó por um período de 30 dias, sendo assim se faz necessário alertar a todos sobre o consumo responsável da água, pois se as chuvas cessarem o rio voltará a secar no mês de março.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Bloco Submarino Amarelo chega ao seu último ensaio nesta quinta, na Zona Leste de Natal, antes da saída oficial

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Ao som dos clássicos do quarteto de Liverpool, reinventados em ritmo de samba, frevo, axé e marchinhas de Carnaval, o Bloco Submarino Amarelo tem conquistado um grande número de adeptos antes mesmo de sua saída oficial, que está marcada para o dia 10 de fevereiro.

Nesta quinta-feira 1 de fevereiro, o bloco realiza o seu último ensaio, das 18 às 21hs, em frente ao sebo Letra & Música (Av. Floriano Peixoto, 290 – Petrópolis).

De acordo com o produtor cultural e idealizador do bloco, Marcos Sá de Paula, o Submarino Amarelo consegui atingir um público que se identifica com uma festa diferente, atual e espontânea como o Carnaval.

“Os ensaios já apontam que o bloco será um sucesso e que tem um perfil bem família, no qual participam crianças, jovens e até idosos”, explica.

Já no sábado de Carnaval, 10 de fevereiro, a concentração acontecerá no mesmo lugar dos ensaios, a partir das 16h, seguindo em cortejo até o Largo do Atheneu com os foliões ladeados por uma alegoria que remeterá ao famoso submarino do desenho animado dos Beatles.

Para garantir a animação, uma superbanda formada por Fernando Suassuna e Darlan Marley (bateria), Paulo de Oliveira (contrabaixo), Roberto Taufic (guitarra), Eduardo Taufic (teclado), Ramon Gabriel (percussão), Fábio Isaac (saxofone), Isaac Ferreira (trombone), Silas Henrique (trompete) e Paulo Araújo, Claudio Weiss e Bárbara Mattiuci cantando, executam os novos arranjos para as musicas dos Fab Four.

O Bloco faz parte do Carnaval Multicultural de Natal e é contemplado pela lei Djalma Maranhão de Incentivo à Cultura, da Prefeitura Municipal do Natal, além do aporte financeiro do Banco do Brasil e do Hospital do Coração.

O evento é uma iniciativa da SADEPAULA Produções Criativas e do produtor musical Paulo de Oliveira, que assinam projetos consagrados, como: Bosque Encena, Som da Mata e Dançando nas Dunas, dentre outros.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Vendas nos supermercados cresceram 1,25% no ano passado

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

As vendas nos supermercados cresceram 1,25% em 2017 em comparação ao registrado ao longo do ano anterior, segundo balanço divulgado nesta segunda-feira (29) pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Em dezembro, a movimentação do setor registrou alta de 2,55% em relação ao mesmo mês de 2016.

O resultado do faturamento ficou abaixo da projeção da entidade, que estimava uma elevação de 1,5% no faturamento para o ano passado. No entanto, o setor enfrentou, segundo o presidente da Abras, João Sanzovo Neto, queda nos preços de diversos produtos além do esperado. “Fomos pegos de surpresa com o tamanho da deflação”, enfatizou, ao apresentar os dados.

No acumulado de janeiro a dezembro de 2017, a cesta básica de produtos teve queda de -7,05%, passando de R$ 483,10 para R$ 449,02. A retração nos preços foi puxada, de acordo com a Abras, pelas commodities agrícolas.

Para este ano, a entidade prevê crescimento de 3% para o setor. Na avaliação de Sanzovo, os indicadores dos últimos meses de 2017 já apontam nessa direção. “Tem aumento da confiança do consumidor, dos empresários, a volta dos investimentos e consequentemente a queda do desemprego”, ressaltou.

Com a melhora do cenário, o presidente da Abras acredita que os consumidores retornaram a hábitos que tiveram que ser deixados de lado no período mais agudo da crise econômica. “Voltar a consumir nas quantidades que consumia, voltar a comprar aquela marca que comprava.”, exemplificou.

Sanzovo disse ainda que acredita que os problemas políticos estão interferindo cada vez menos na economia. “Eu acredito que o último semestre do ano passado demostrou que a economia descolou da crise política. Acho que vamos passar as eleições sem grandes turbulências econômicas. AS insittuições estão funcionando. Em 2018 nós vamos estar crescendo em um ritmo bom”, destacou.

Agência Brasil

 

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Servidores públicos do RN irão protestar nesta terça-feira contra o pacote de ajuste fiscal

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Nesta terça-feira (30), servidores públicos do Rio Grande do Norte irão se reunir na frente da Assembleia Legislativa, a partir das 7h, para dizer não ao pacote de ajuste fiscal do governo Robinson Faria, que prevê demissões, redução de salários e outros ataques ao funcionalismo público. Caravanas vindas do interior do estado irão se somar à luta contra o plano Robinson.

Essa não será a primeira vez que os servidores protestarão contra as medidas. Desde o anúncio do ajuste, no final do ano passado, trabalhadores da saúde, em conjunto com outras categorias do serviço público, comparecem à AL para barrar o pacote, tendo, inclusive, que enfrentar repressão policial e derrubar grades para ter acesso à “casa do povo”.

“Vamos barrar de vez esse pacote de maldades do governo Robinson. Não aceitamos aumento do desconto da Previdência, não aceitamos congelamento, nem retirada dos nossos Quinquênios. Vamos à luta. A nossa luta é por dignidade!”, comentou o coordenador-geral do Sindsaúde-RN, Manoel Egídio.

A Assembleia Legislativa vota nesta terça-feira (30), mensagens referentes ao aumento da contribuição previdenciária e a extinção do adicional por tempo de serviço.

Powered by WPeMatico

segunda-feira

29

janeiro 2018

0

COMENTÁRIOS

Nota de pesar: SINPOL-RN lamenta morte de PMs na Grande Natal

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O SINPOL-RN, em nome dos Policiais Civis e servidores da Segurança, lamenta a morte de dois policiais militares no Rio Grande do Norte, nas últimas horas. Um foi morto na cidade de Extremoz e outro em Natal.

Em Extremoz, o sargento da reserva Itagibá Maciel de Medeiros, de 54 anos, foi assassinado após ser alvo de uma emboscada, durante a madrugada desta segunda-feira (29). Já pela manhã, no bairro Planalto, em Natal, o PM Darlan Santana Carvalho, de 40 anos, morreu após ser baleado na cabeça em troca de tiros durante tentativa de assalto a uma farmácia.

“Mais dois colegas policiais perderam suas vidas vítimas por causa da violência. Infelizmente, essa tem se tornado uma triste realidade em nosso Estado. Desejamos força aos familiares e amigos dos dois PMs mortos nesta segunda-feira. Nos solidarizamos com todos neste momento de dor”, afirma Nilton Arruda, presidente do SINPOL-RN.

 

Powered by WPeMatico