Diário: 13/05/2018

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Famílias só vão deixar Largo do Paissandu quando receber moradia

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Rovena Rosa/ Agência Brasil

Acampado no Largo do Paissandu, com a mulher e dois filhos – uma menina de 11 anos e um menino de oito -, desde que teve que deixar às pressas o edifício Wilton Paes de Almeida, que desabou em 1º de maio após um incêndio, João, como preferiu ser identificado pela reportagem da Agência Brasil, disse que não pretende deixar o local “Nós só vamos sair daqui quando a última família tiver êxito e conseguir sua moradia”.

Nascido no Ceará, ex-presidiário, João vende água e salgadinho nas ruas da cidade de São Paulo. Mas o que ganha com as vendas não dá para pagar um aluguel para abrigar a família, por isso foi parar na ocupação do prédio. Os quatro dormem em uma barraca de camping com o que restou de seus pertences. Essa é a situação da maioria dos que estão acampados largo. Vivem de doações e com o que conseguiram carregar, fugindo do incêndio.

Mãe solteira, com cinco filhos, Kátia Gilmara também está em uma barraca no Paissandu. Juntos com ela, uma irmã com quatro filhos. Todos dividem duas barracas. Kátia vende água e bala nos semáforos. “Tem dia que tiro alguma coisa e dia que não tiro nada [na vendas]”, disse ao explicar que sua renda não permite que tenha um lugar para morar com a família. “Há 17 anos, estou em ocupações, estou nessa luta para conseguir uma moradia digna para meus filhos. Eu nunca tive condições de pagar aluguel, cuido deles sozinha”.

Ela morava havia cinco meses no edifício que desabou. Kátia informou que já estar cadastrada na fila por uma moradia. Sobre os rumos que pretende tomar com os filhos, disse: “Agora, só Deus!” e acrescenta: “Tenho que ficar aqui [acampada] lutando”.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

logo-radioserido3-1

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Circuito Eco Vbike chegará a Caicó dia 10 de junho

Por , Em Notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

bg2

O pedal mais arretado o RN aterrisa em Caicó no dia 10 de junho. O Seridó é uma região conhecida pelo clima semiárido quente, pela receptividade ímpar do seu povo, por sua rica culinária e pela beleza de suas trilhas.

Circuito Eco Vbike convida para nos aventurar pelas “veredas” do nosso sertão, porque aqui o calor, a quintura e o mormaço sai do abraço do nosso povo!!! Um encontro cheio de adrenalina, aventura e muita interação.

Percurso único – 42km com trechos de single track em solo variando em arenoso, argiloso, com relevos entre 100 e 200 metros de altitude, contemplando a vegetação da caatinga, predominante da região, além de alguns trechos de estradão.

Horário de largada: 6:30h (pontualmente, devido ao clima da região), no Sesc Seridó. Com café da manhã das 5h às 6:15h. Informações: (84) 99817-7996. Ou acesso o Site CLICANDO AQUI

banner_seridopneus-770

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Bombeiros encerram buscas em prédio que desabou em SP

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Bombeiros SP / Twitter

Após treze dias de trabalho, o Corpo de Bombeiros encerrou neste domingo as buscas por desaparecidos no edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paissandu, no centro de São Paulo, que desabou na madrugada de 1º de maio após um incêndio. Nesse período, foram encontrados – e identificados – os restos mortais de quatro pessoas. Apesar de haver mais quatro desaparecidos, as autoridades não têm mais expectativa de encontrar os seus corpos.

Neste sábado, a polícia confirmou que as ossadas de duas crianças localizadas entre os escombros são dos gêmeos Wendel e Werner da Silva Saldanha, de 10 anos. Além deles, foram identificados entre as vítimas Ricardo Oliveira Galvão Pinheiro e Francisco Lemos Dantas. A mãe dos irmãos, Selma Almeida da Silva, e mais três pessoas continuam desaparecidas: o casal Eva Barbosa Lima, 42, e Walmir Sousa Santos, 47, e Gentil Rocha de Sousa, de 54 anos. O nome deste último foi oficialmente adicionado à lista de desaparecidos na sexta-feira, após sua família registrar um boletim de ocorrência por desaparecimento. Ele morava no prédio e, desde o incêndio, não foi visto por vizinhos e não entrou em contato com parentes.

O governador de São Paulo Márcio França e o secretário da Segurança Pública Mágino Alves Barbosa estiveram no local. Segundo Barbosa Filho, os bombeiros “fizeram tudo o que podiam”. O secretário afirmou ser provável que os corpos estejam na área do incêndio em estado já pulverizado. “Os corpos podem ter sofrido os efeitos do calor excessivo e ter simplesmente pulverizado. Os bombeiros encerraram agora essa etapa do seu trabalho e, a partir de agora, vamos ter uma estabilização da área. O entulho que foi retirado volta para a cratera existente ali para estabilizar o terreno”, completou.

Veja

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Vivaldo recebe vereadores e lideranças de São João do Sabugi

Por , Em Notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

VIVALDO-LIDERANÇAS-SAOJOAOSABUGI

O deputado Vivaldo Costa (PSD) tem conversado com lideranças de várias cidades de todo Rio Grande do Norte, fortalecendo seu projeto junto a Assembleia Legislativa. Neste sábado (12) um grupo de São João do Sabugi foi recebido pelo parlamentar. Na pauta de conversas reivindicações para o município que sempre tem uma atenção especial do deputado Vivaldo.

Além dos vereadores Reginaldo Chico, Israel do Mel e Batista do Posto, o ex-vereador Braz, o presidente do sindicato dos trabalhadores rurais Israel do Mel, também participaram do bate-papo.

_banner-fabricio-otica

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Agripino leva Carlos Eduardo para agenda política em Assu

Por , Em Notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

6bee4169-612f-46b7-b907-ced2314d3999

O presidente estadual do Democratas, senador José Agripino (RN), cumpriu neste sábado (12), agenda política em Assú com o pré-candidato ao governo do estado, Carlos Eduardo (PDT).

No município, eles se reuniram na casa do empresário Dinarte Diniz com prefeitos da região do Vale e do Médio Oeste onde debateram, além do cenário político local, alguns problemas que afligem a população do Rio Grande do Norte.

O parlamentar e o ex-prefeito de Natal ainda foram à Nova Rádio 89 FM para participar do programa Registrando, com o comunicador Régis Souza.

Participaram da reunião, entre outras lideranças, os prefeitos Abelardinho (Alto do Rodrigues), Manoel Veras ( Campo Grande), Valderedo ( Ipanguaçu), Alaor ( Itaja), Thiago e a vice Marineide (Carnaubais), Haroldo (Felipe Guerra) e vários veadores de municípios da região.

O senador José Agripino irá ainda neste sábado ao Rio de Janeiro para passar o domingo ao lado da mãe Teresa Maia que mora na capital fluminense.

banner_seridopneus-770

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Anteprojeto de segurança pública pode desafogar Justiça, diz Ajufe

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Em um momento em que a segurança pública está entre os temas mais discutidos no país, um anteprojeto de lei chegou ao Congresso Nacional com um conjunto de propostas para endurecer a legislação no combate a crimes como tráfico de drogas e armas, aumentar penas e propor novas formas de financiamento para a segurança pública.

O anteprojeto foi entregue na última terça-feira (8) pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes aos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira. As propostas foram elaboradas por uma comissão de juristas criada por Maia e presidida por Moraes. O texto ainda será discutido por deputados e senadores e deve sofrer alterações.

As propostas do anteprojeto foram avaliadas pelo presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe) Roberto Carvalho Veloso. Para ele, o anteprojeto traz a possibilidade de desafogar a justiça criminal ao prever a realização de acordos em substituição da pena privativa de liberdade. Nesse caso, haveria alternativas como a reparação do dano e a prestação de serviços à comunidade para os casos de crimes mais leves sem violência ou grave ameaça cujas penas não excedam os quatro anos.

Segundo Veloso, a proposta traz a possibilidade de maior celeridade para a análise dos crimes de maior gravidade. “Hoje a Justiça criminal está abarrotada de processos de menor potencial ofensivo enquanto a criminalidade organizada precisa de uma atenção maior”, disse. Veloso considera que a proposta podeira ser aperfeiçoada com a extensão dos acordos para crimes com penas de até oito anos.

Em relação à criação de varas colegiadas com juízes e desembargadores para julgar organizações criminosas e crimes como tráfico de drogas e armas, o presidente da Ajufe explica que atualmente já há previsão legal para um juiz convocar um colegiado para o julgamento de determinado crime. A novidade trazida pelo anteprojeto é que a formação desse colegiado seria incorporada ao código de processo penal.

O presidente da Ajufe avalia que um item do texto que pode gerar polêmica e debates é o que aumenta de 30 anos para 40 anos o prazo máximo de cumprimento da pena em regime de detenção. Embora espere mais polêmica, Veloso acredita que diante do aumento das ações criminosas no país, a proposta terá apelo popular. “A população irá de fato aceitar”, disse.

O professor de sociologia da Universidade de Brasília (UNB) e integrante do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Arthur Trindade, avalia que o anteprojeto se propõe a tocar numa série de gargalos e problemas, porém não traz avanços naquilo que ele considera ser um dos maiores problemas na área de segurança pública no âmbito federal: conseguir articular a ação das polícias entre si, com o Ministério Público, e da União com estados e municípios, além do financiamento.

“Nosso problema não é só a quantidade de punição, é a relação entre as instituições, a ineficiência do sistema”, disse Arthur Trindade. Ele também avalia que ao anteprojeto não substitui a necessidade de elaboração de um Sistema Único de Segurança Pública (Susp).

Para Trindade, o projeto pode enfrentar dificuldades para ser aprovado uma vez que toca em prerrogativas de diferentes instituições e em questões federativas. “Dificilmente o Congresso Nacional consegue avançar nesses itens porque se compra briga com muita gente. Um projeto como esse só caminharia se fosse adotado pelo Palácio do Planalto que o tomasse como prioridade nas negociações legislativas”, avaliou.

Ao receber o anteprojeto, o presidente da Câmara Rodrigo Maia disse que será criada uma comissão especial na Casa para analisar o anteprojeto.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Bandidos fazem arrastão em restaurante, fecham a BR-101 e trocam tiros com a polícia

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Cenas de filme policial foram registraras nesta tarde de Dia das Mães em São José do Mipibu. Um grupo de criminosos praticou um arrastão em um restaurante na BR-101, fecharam a rodovia e ainda trocaram tiros com a polícia.

Pelas primeiras informações reparadas ao blog, cinco ou seis criminosos invadiram o restaurante Casa do Tota, quando as famílias comemoraram a data de hoje, anunciaram um assalto e fizeram um arrastão, recolhendo todos os pertences das vítimas.

Eles ainda tentaram roubar uma caminhonete, mas, na fuga, eles terminaram sendo surpreendidos pela polícia e iniciaram um tiroteio. A BR terminou sendo fechada.

Os bandidos conseguiram fugir em direção ao matagal da região, nas proximidades da entrada da lagoa. Policiais rodoviários federais e policiais militares estão na região a procura dos criminosos.

Powered by WPeMatico

_banner-fabricio-otica

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

“Pensei apenas em defender as mães, as crianças e a vida da minha própria filha”, diz PM

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Kátia da Silva Sastre, a mãe PM que matou um bandido em Suzano, deu uma entrevista ao G1 e explicou como reagiu a tentativa de assalto na frente da escola de sua filha.

“Essas pessoas [criminosos] se descontrolam facilmente. Eu não sabia se a reação dele seria atirar nas crianças ou na mãe ou no responsável que estava na porta da escola. Pensei apenas em defender as mães, as crianças e a minha própria vida e da minha própria filha.”

Ela disse também que agiu com base nos treinamentos que recebeu na polícia e que o criminoso atirou duas vezes antes de ela reagir.

“Minha preocupação foi que minha intervenção fosse mais próxima a ele. Cessar a agressão dele de forma que não machucasse ninguém.”

O Antagonista

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Mãe PM que matou ladrão na porta de escola é homenageada por governador de SP

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O governador de São Paulo, Márcio França (PSB), fez uma homenagem à cabo Katia da Silva Sastre, 42, que matou um ladrão na porta de uma escola no bairro Jardim dos Ipês, em Suzano (Grande SP), na manhã deste sábado (12).

França entregou flores à policial militar na manhã deste domingo (13), em cerimônia no Comando de Policiamento de Área Metropolitana-4, na Vila Esperança, zona leste de São Paulo.

O governador disse que o evento era para “cumprimentar a destreza, a técnica e a coragem” da cabo.

Folhapress

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

CBF agrada federações com mensalinhos e viagens à Copa

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Em abril de 2014, Marco Polo Del Nero foi eleito presidente da CBF, para assumir um ano depois, com votos de 26 das 27 federações estaduais. No mês passado, Rogério Caboclo foi eleito presidente da CBF, a partir de abril de 2019, com votos das 27 federações. Isso porque, o presidente da Federação Gaúcha, Francisco Novelletto, que se abstivera no pleito anterior, desta vez votou no candidato único. Desde 1989 tem sido assim. O indicado da situação é eleito, ou reeleito, com apoio maciço dos presidentes de federações estaduais.

Esse apoio não é de graça. A CBF trata os presidentes de federações com muitos mimos. Convites para chefiar delegações da seleção em amistosos e torneios oficiais, criação de competições regionais e mesadas. Este ano, eles terão um bônus: ida à Copa do Mundo da Rússia, com todas as despesas pagas.

O “voo da alegria’’ levará os presidentes de federações – e de dez clubes das Séries A e B, definidos por sorteio – para assistir aos jogos do Brasil na primeira fase. Os convites foram feitos em fevereiro, mas a CBF nega que tiveram cunho eleitoral em favorecimento a Caboclo. Alega a entidade que a viagem tem como objetivo o aprimoramento dos dirigentes em nível administrativo.

Questionada pelo Estado sobre o tema, a entidade enviou na sexta-feira a mesma nota divulgada em 26 de fevereiro em que diz entender que “a presença das federações é algo natural e importante por tratar do maior evento de futebol do mundo’’. Lembra a entidade que os dirigentes são responsáveis por administrar competições regionais e que não irão à Rússia a passeio. “Além dos jogos da seleção, está sendo preparada uma agenda de trabalho para os dirigentes, com reuniões institucionais e atividades de acompanhamento da organização do evento.’’

Na prática, seja ano de Copa ou não, os dirigentes ajudam a CBF a manter quem quer no poder e são ajudados a permanecer no comando em seus Estados. Assim, alguns praticamente se eternizam. É o caso de Francisco Cezário, que preside a Federação do Mato Grosso do Sul desde 1998 e no último dia 30 foi eleito para mais quatro anos – mandato que começa apenas em abril de 2019. É um dos cartolas que estão há 20 ou mais anos no poder. Mas está longe do campeão Zeca Xaud, há 44 anos à frente do futebol de Roraima. Ele tem 73 anos. Tornou-se presidente aos 29.

Incentivo à longevidade não falta. Um deles é o “mensalinho’’, pelo qual são repassados às entidades estaduais R$ 75 mil a cada 30 dias, por meio do Programa de Assistência às Federações (PAF), além de outros R$ 25 mil destinados diretamente aos presidentes.

Criada por Ricardo Teixeira em 1993, a mesada é considerada essencial pelas federações menores, que praticamente não têm receita advindas de competições e patrocínios. Os presidentes alegam que o dinheiro ajuda a financiar campeonatos de todas as categorias, torneios femininos e pagamento de arbitragem, entre outras despesas.

Os dirigentes estaduais, mesmo as mais ricas, defendem as benesses. “O PAF é justo e correto. As federações são as representantes da CBF em seus Estados’’, disse o presidente da Federação Paulista, Reinaldo Carneiro Bastos. “Tem sua importância porque promovemos campeonatos de base, femininos e temos ações sociais. Mas o maior patrocinador do meu futebol são as empresas privadas’’, disse José Vanildo da Silva, presidente da federação do Rio Grande do Norte.

Sobre o continuísmo, Vanildo, no poder desde 2007 (nos dois primeiros anos, completou como vice o mandato de Alexandre Cavalcanti), ele lembra que a lei que regulamentou Profut vai acabar com a farra. A partir dos próximos mandatos – a maioria começará em 2019 – só será permitida uma reeleição.

Francisco Novelletto, o presidente da Federação Gaúcha, é mais radical. “Eu sou suspeito em falar, mas o cara quando é bom tem de ficar 200 anos’’, disse. Ele está há 14 anos na presidência e garante que sairá ao fim do mandato, em 2019. “Podia me candidatar de novo, mas não quero. No próximo ano, ele assumirá uma das vice-presidências da CBF.

O Estado tentou contato telefônico com Zeca Xaud, o presidente da federação de Roraima, e Antônio Aquiino Lopes, há 34 anos à frente da Federação Acreana, sem sucesso.

Estadão

Powered by WPeMatico

logo-radioserido3-1

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Coreia do Norte desmantelará centro de teste nucleares este mês

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

COREIA Kim Jong-unA Coreia do Norte anunciou ontem (12) que está tomando “medidas técnicas” para desmantelar o seu centro de testes nucleares e detalhou o procedimento que será seguido para realizar a ação, que deve ocorrer entre os dias 23 e 25 de maio deste ano.

O regime norte-coreano está “adotando medidas técnicas para desmantelar o campo de testes nucleares setentrional da RPDC (República Popular Democrática da Coreia, o nome oÚcial do país) para garantir a transparência da interrupção dos testes”, disse o Ministério de Relações Exteriores da nação asiática em comunicado divulgado pela agência estatal Kcna.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Desistências de Barbosa e Huck não esfriam cobiça por ‘outsiders’

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Uns disseram não. Outros, que ainda não. Mas nenhum dos chamados “outsiders” está completamente fora do jogo. O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa, o apresentador e empresário Luciano Huck, o ex-técnico da seleção brasileira masculina de vôlei Bernardo Rocha de Rezende (o Bernardinho) e o jornalista José Luiz Datena ainda serão muito cortejados pelo universo político – e sabem disso. Uma simples foto ao lado de qualquer um deles continua tendo muito valor e apelo eleitoral.

A desistência ou a relutância dos outsiders tem origens parecidas. Bem-sucedidos em suas áreas de atuação, todos sofrem ou sofreram pressões familiares para não entrar na disputa. Na soma de prós e contras, decidiram pelo não (ou “acho que não”, no caso de Datena).

A última baixa entre os outsiders foi a de Barbosa, na semana passada. Ele usou o Twitter para dizer que não pretendia ser candidato à Presidência. O anúncio derrubou os planos do PSB, que já começava a montar uma estrutura para a campanha do ex-ministro – que em pesquisa do Datafolha chegou a ter 10% das intenções de voto, à frente de políticos tradicionais como o ex-governador tucano Geraldo Alckmin.

Por ora, Barbosa diz que pretende se ausentar do processo eleitoral, mas o PSB não quer ficar distante do capital político que o ex-ministro passou a ter. “Se o ministro tiver disposição, será bem-vindo para debater dentro do partido”, afirmou o governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

Quem contava com a candidatura Barbosa para alavancar um discurso de renovação tenta se apegar a detalhes. “Não podemos desanimar. No Twitter ele escreveu que não ‘pretende’. E não que ‘não vai’”, disse Lázaro Cruz, da juventude do PSB.

Se Barbosa tende neste momento a buscar a autopreservação, Luciano Huck segue trilha diferente. Como já declarou diversas vezes, o apresentador vai participar do processo político e eleitoral.

Desde o dia em que disse “não” (pela segunda vez) ao sonho presidencial, ele intensificou sua presença em grupos que têm como mote a renovação política (renovação de propostas e de candidaturas, principalmente ao Legislativo), caso do RenovaBR e do Agora! Além disso, Huck tem participado de debates públicos sobre reformas para o futuro do País. Em nenhum desses eventos, ele nega com veemência a hipótese de uma candidatura em 2022.

Ao menos no primeiro turno, a tendência é de que Huck não declare apoio a nenhum nome. Não será por falta de vontade. Mas o apoio imediato para um candidato majoritário criaria um conflito de interesses em relação aos grupos de renovação de que participa – que são formados por membros de diversos partidos. No máximo, Huck vai dizer que respeita muito as pretensões eleitorais do ex-governador Geraldo Alckmin e da ex-ministra Marina Silva, presidenciável pela Rede.

Estadão

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

G10 deverá ter novo encontro até o final do mês para algumas definições

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O grupo formado por Patriota, PSL, PMN, PRP, PMB, PSDC, PTC, Avante, PPS e PTB, que ficou conhecido por G10, deve se reunir até o final do mês para apresentar algumas definições para as eleições desse ano.

Apesar do G10 manter constantes diálogos, o que é normal, existem divergências dentro do grupo e alguns pontos devem ser postos à mesa nos próximos dias em uma nova reunião.

Alguns partidos estão incomodados com o tamanho das estruturas de outros que aumentaram nas últimas semanas, o que poderia provocar uma disputa desigual; outros estão incomodados com o arco de alianças e de apoios nas chapas para o governo; e outros querem espaços para administrar os apoiadores e correligionários, que têm.

O fato é que, apesar dessas divergências internas, por enquanto, todos estão unidos. Os integrantes sabem que as condições de eleger deputados nas eleições desse ano são reais. Os 10 partidos pretendem se coligar para disputar as eleições desse ano com o objetivo de conseguir eleger dois deputado estaduais e um federal. Essas, são as contas do grupo, que pretende manter uma disputa interna.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Felipe Maia confirma apoio a Carlos Eduardo, mas nega candidatura a vice.

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Felipe MaiaDuranta a semana, comentou-se que Felipe Maia poderia ser candidato a vice governador de Carlos Eduardo e Agripino, candidato a senador juntamente com Garibaldi.

Com o deputado federal Felipe Maia, desmentindo através de seu Twitter essa versão e afirmando que não será em hipótese alguma, candidato a vice de Carlos Eduardo, ficou claro de que esse assunto está fora de cogitação.

 

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Governador de SP anuncia fim do trabalho de buscas dos bombeiros no prédio que desabou

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

bombeirosO governador de São Paulo, Márcio França (PSB), esteve na manhã deste domingo (13) no local do desabamento do prédio Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paissandu, no Centro de São Paulo, e anunciou o fim das buscas dos bombeiros após 13 dias de trabalho.

“A gente não tem a expectativa de mais nada, o máximo que a gente pode fazer do ponto de vista de profundidade é essa. O resto [dos corpos] não deve ter mais existência, deve ter sumido junto com toda a situação, porque é muito calor e o corpo desaparece praticamente, é comum nesse tipo de tragédia”, afirmou.

De acordo com o governador, a Prefeitura vai definir o que fará com os escombros agora. “Toda essa terra que está fora vai entrar pra dentro daquele buraco para tentar estabilizar o terreno e permitir que todos esses lugares aqui em volta fiquem, dentro do possível, mais normais. Daqui pra frente a Prefeitura tem que dar uma destinação ao terreno”, disse.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Mega-Sena acumula; próximo sorteio deve pagar R$ 60 milhões

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

O Concurso 2.040 da Mega-Sena, com prêmio previsto de R$ 50 milhões, foi sorteado na noite de ontem (12) em Maravilha (SC). Nenhum apostador acertou os seis números sorteados. Confira as dezenas: 06 – 09 – 41– 54 – 56 – 58.

Sessenta e sete ganhadores acertaram a quina e cada um levará prêmio de R$ 52.696,38. Foram 5.680 apostas ganhadoras da quadra e cada uma vai levar R$ 887,99.

O próximo concurso, que será sorteado na quarta-feira (16), tem um prêmio acumulado estimado em R$ 60 milhões. As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) nas lojas lotéricas credenciadas pela Caixa em todo o país.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Dia das Mães movimentou comércio, com muitas compras.

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

ComprasLevantamento feito pelo Instituto de Economia da Fundação Getulio Vargas, revela que os brasileiros gastaram mais este ano, para presentear as mães, em comparação com o ano passado.

O valor médio dos presentes subiu 11%, atingindo R$ 108, contra média de R$ 98 em 2017. O levantamento se baseia na Sondagem do Consumidor que ouviu 1.612 pessoas entre os dias 2 e 19 de abril, em todo o país.

A expectativa feita, de certa forma ainda não atingiu às expectativas dos comerciantes, que esperavam um pouco mais, pela franca recuperação da economia que se observa no país. Mas o setor, mesmo assim, se dá por satisfeito com o resultado e continua otimista com o futuro da economia.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Projeto para prisão domiciliar de mães e gestantes avança no Congresso

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Luiz Silveira/Agência CNJ

Aprovado na última semana pelo plenário do Senado, o projeto de lei (PLS 64/2018) que estabelece que gestantes, mães de crianças até 12 anos ou responsáveis por pessoas com deficiência poderão ter prisão domiciliar no lugar da preventiva tem dividido opiniões. O texto ainda precisa ser analisado pela Câmara dos Deputados para se tornar lei.

Um dos pontos divergentes é o que define critérios para que gestantes e mães de crianças de até 12 anos possam ser beneficiadas com a progressão da pena. Pela proposta, terão direito à pena menos rigorosa caso não tenham cometido crimes com violência, contra o próprio filho ou de grave ameaça, se tiverem cumprido um oitavo da pena, sejam rés primárias e não tenham pertencido a organização criminosa. Se cometerem novo crime doloso, terão o benefício revogado. Em geral, uma mudança de regime penal ocorre apenas quando as pessoas cumprem o equivalente a um sexto da sentença.

Na avaliação do Instituto Terra Trabalho e Cidadania (ITTC) – organização que trabalha pelo fim da desigualdade de gênero e do encarceramento -, a diminuição do tempo de cumprimento da pena para a concessão do benefício é um avanço, mas as presas podem ter dificuldades em cumprir as condições impostas. “Caso a mulher não consiga reunir documentos que comprovem que ela não participa de organização criminosa, tenho medo que as mulheres fiquem rotuladas e de que esses requisitos sejam utilizados para impedir a concessão de outros benefícios, como, por exemplo, os que exigem um relatório do diretor do estabelecimento prisional”, alertou Maria Clara D’ávila, advogada do instituto.

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS), autora da proposta, afirmou que as condições foram a melhor maneira de convencer senadores com perfil mais conservador a apoiar a proposta, que muda a legislação. Ela destacou que, atualmente, as detentas recebem o mesmo tratamento que os demais presos e só recebem a progressão após cumprimento de um sexto da pena, em caso de crime comum, ou dois quintos da pena para crimes hediondos. A parlamentar acrescentou que o fato da proposta ser voltada a mulheres em situação de extrema vulnerabilidade já seria motivo suficiente para a concessão de uma progressão de pena diferenciada sem necessidade de novas exigências.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Selic deve ter última redução deste ciclo nesta semana

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Com a inflação baixa, o mercado financeiro espera pelo último corte na taxa básica de juros (Selic) no atual ciclo de redução, na próxima quarta-feira (16). A terceira reunião do ano do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC), começa na terça-feira (15) e segue até o dia seguinte, quando será anunciada a taxa Selic.

Em março, o Copom reduziu a Selic pela décima segunda vez seguida, de 6,75% ao ano para 6,5% ao ano, o menor nível desde o início da série histórica do Banco Central, em 1986. A taxa básica de juros é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve de referência para as demais taxas de juros da economia. Ao reduzir os juros básicos, a tendência é diminuir os custos do crédito e incentivar a produção e o consumo. Para cortar a Selic, a autoridade monetária precisa estar segura de que os preços estão sob controle e não correm risco de subir.

Na última reunião do Copom, o BC sinalizou que faria mais uma redução da Selic em maio e encerraria os cortes na taxa. O economista sênior da Tendências Consultoria, Silvio Campos Neto, acredita que a taxa Selic terá mais um corte de 0,25 ponto percentual, nesta reunião, como indicado pelo BC em março. “Continuamos com a expectativa de mais uma queda de 0,25 ponto percentual, que vai ser a última, nesse nosso cenário. A situação ainda é confortável do ponto de vista da inflação”, disse Campos.

Campos citou que o índice de inflação está em patamar baixo, com recuos disseminados entre os setores e “desaceleração forte” no segmento de serviços. “Além disso, as expectativas continuam bem ancoradas, inclusive abaixo das metas, tanto para este ano, como para 2019. Isso dá condições para que o Banco Central confirme a sinalização que tinha dado na reunião passada de que promoveria mais um corte na reunião de maio”, acrescentou.

Ao definir a taxa Selic, o BC está mirando na meta de inflação, que é de 4,5% neste ano, com limite inferior de 3% e superior de 6%. Para 2019, a meta é 4,25%, com intervalo de tolerância entre 2,75% e 5,75%. De acordo com pesquisa do BC a instituições financeiras, a inflação deve fechar 2018 em 3,49% e 2019 em 4,03%.

Na última quinta-feira (10), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) chegou a 0,92% no resultado acumulado de janeiro a abril, a menor taxa para o período desde a implantação do Plano Real, em 1994.

Para Campos, a recente alta do dólar, que chegou a R$ 3,60, na sexta-feira (11), gera um efeito “um pouco menor do que normalmente observado” na inflação. Isso porque a economia ainda está em recuperação “lenta”, o que evita alta dos preços. “A ociosidade na economia, principalmente no mercado de trabalho, minimiza o tamanho do repasse [da alta do dólar para os preços]. O repasse existe, mas não o suficiente para mudar a inflação, este ano, bem abaixo da meta e em 2019, com perspectiva de inflação ligeiramente abaixo da meta”, disse.

“O câmbio é sempre um risco. Não só pode ser uma alta duradoura, como pode se intensificar dependendo do quatro político-eleitoral. A inflação tende a continuar baixa, sim. É claro que um estouro do câmbio lá na frente pode ter um efeito um pouco maior. Mas por enquanto é um cenário bastante confortável. Não é essa pressão atual [de alta do dólar] que levaria o Banco Central a mudar de ideia”, disse Campos.

Depois dessa redução da taxa neste mês, a expectativa é que a Selic permaneça em 6,25% ao ano até o final de 2018 e volte a subir em 2019. “Ao longo do segundo semestre do próximo ano, teremos uma recomposição de parte dessas quedas. Nosso número para o fim de 2019 é 7,75% ao ano, mas claro que isso vai depender muito do desfecho do quadro eleitoral e das escolhas que o próximo governo fizer. Esse é um cenário básico de continuidade da agenda econômica”, disse Campos.

O economista da Órama Investimentos, Alexandre Espírito Santo, também acredita que a recente alta do dólar não deve elevar a inflação e fazer com que o BC desista de reduzir os juros, neste mês. “Essa alta do dólar tem motivos muito específicos. Lá fora o dólar está forte no mercado internacional. Isso por conta da perspectiva da mudança da política do Banco Central americano [expectativa de aumento dos juros nos Estados Unidos, o que atrai dinheiro para economias avançadas, provocando a fuga de capitais financeiros de países emergentes, como o Brasil]. Existe um outro motivo que é o estresse no mercado da Argentina”, disse se referindo à crise no país vizinho, que recorrerá a empréstimo do Fundo Monetária Internacional (FMI) para reequilibrar a situação financeira. “E alguns investidores também estão saindo do país [do Brasil], nada muito grande. Isso aumenta a pressão sobre o dólar”, acrescentou.

“A inflação está muito comportada. Acredito que a Selic vai cair 0,25 ponto percentual e aí sim, o Banco Central vai parar, porque o intuito é colocar a inflação mais perto do centro da meta. A partir do ano que vem, o centro da meta muda”, disse Espírito Santo.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Refugiados em Natal recebem atendimento na segunda-feira

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

refugiadosCerca de 29 refugiados e imigrantes em situação de risco que residem em Natal receberão atendimentos médicos, odontológicos e jurídicos na segunda-feira (14/05), a partir das 18h. A atividade faz parte do Projeto Sem Fronteiras, iniciativa de alunos do Curso de Relações Internacionais da UnP, integrante da rede Laureate, que tem por objetivo auxiliar o grupo de estrangeiros oriundos, principalmente, da África do Sul e Oriente Médio. Os atendimentos serão realizados no Centro Integrado de Saúde (CIS), localizado na Unidade Salgado Filho.

Gana, Marrocos, Egito, Venezuela, Síria, Níger, Mali, Nigéria e Burkina Faso são alguns dos locais de origem dos beneficiados pelo Sem Fronteiras. Uma parte dele é de imigrantes e outros já podem ser considerados refugiados, condição jurídica que eles recebem após o visto de refúgio. Apesar das diferenças legais, ambos os grupos enfrentam praticamente as mesmas dificuldades como pouco acesso a serviços de saúde e a própria barreira da língua.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Tecnologia ajuda mães voltarem ao mercado de trabalho

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

mãeA realidade da profissional que é mãe ainda é muito delicada no Brasil. Segundo pesquisa divulgada pela empresa de recrutamento Catho, as mulheres deixam cinco vezes mais o mercado de trabalho que os homens após a chegada dos filhos. As mães que desejam recolocação também encontram dificuldade, cerca de 27% delas, de acordo com o estudo Mulheres e o Mundo Corporativo. Para voltar à ativa e garantir uma renda no final do mês, muitas profissionais com crianças pequenas em casa encontram a solução nos aplicativos de economia colaborativa.

Esse é o caso da publicitária Vanessa Miry, de 47 anos. Mãe da pequena Lara, 5 anos, Miry foi demitida da última empresa em que trabalhou porque vivia uma gravidez de risco. A dificuldade de encontrar um novo emprego permaneceu após o nascimento da filha.

“Eu fiz entrevista em diversas companhias, mas a minha idade e o fato de ter uma criança pequena em casa dificultaram a minha volta ao mercado de trabalho”, explica. Há dois anos, o cachorro da família faleceu e, navegando na internet, encontrou a DogHero, plataforma que conecta mães e pais de cachorro a anfitriões que hospedam os pets em casa, que hoje é a sua principal fonte de renda. “Vi na plataforma uma forma de cuidar de vários cães sem o risco de me apegar muito, ocupar a cabeça e construir uma renda”, conta a anfitriã que ganha cerca de R$ 2 mil por mês. Em época de Natal e Ano Novo, o valor dobra.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Centros Culturais do BNB selecionam propostas para atrações artísticas

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

BNBO Banco do Nordeste recebe, até 18 de maio, inscrições de propostas para compor a programação de seus três Centros Culturais, no período de julho de 2018 até junho de 2019.

 As iniciativas selecionadas farão parte de um cadastro com propostas de relevância cultural e artística, nas áreas de artes cênicas, artes visuais, música, formação e atividades infantis. As ações integrarão a programação por meio de contrato de locação de serviços profissionais e artísticos com cachês que podem chegar a R$ 13 mil.

 Gratuitas, as inscrições serão aceitas exclusivamente por meio digital, na página do Banco do Nordeste na internet (www.bnb.gov.br), onde o proponente pode consultar o regulamento, preencher e enviar o formulário de inscrição.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Criminosos encapuzados invadem casas, rendem famílias e matam dois homens em Ceará-Mirim, na Grande Natal

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Dois homens foram mortos a tiros em Ceará-Mirim, na Grande Natal. Segundo a Polícia Civil, os crimes aconteceram na noite do sábado (12) e madrugada deste domingo (13) e têm características de execução. Ambos foram cometidos por homens encapuzados que invadiram as residências arrombando as portas, o que aponta para uma possível ligação. Nos dois casos, de acordo com a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), os criminosos ainda renderam familiares das vítimas, mas elas não foram feridas.

O primeiro homicídio aconteceu por volta das 23h20 do sábado (12). A casa invadida fica na Alameda do Brasil, no bairro Paraíba. Erivaldo Machado de Souza, de 34 anos, dormia quando três homens encapuzados arrombaram a porta e invadiram o imóvel. A irmã e a mãe estavam em casa, mas não foram feridas. Testemunhas disseram que os assassinos fugiram em um carro branco.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Agripino mostra que DEM segue firme no apoio à Carlos Eduardo

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O senador José Agripino Maia, do DEM, mostrou neste final de semana que segue firme no apoio ao projeto do pré-candidato a governador, Carlos Eduardo Alves, do PDT.

O parlamentar aproveitou o final de semana para apresentar lideranças da região do Vale do Açu e do Médio Oeste ao ex-prefeito de Natal. Um momento para indicar o grupo qual o candidato apoiar nas eleições desse ano.

Vale lembrar que, no início do mês, o vereador Kleber Fernandes se licenciou do cargo para ocupar o Gabinete Civil da Prefeitura do Natal, que é administrada por Álvaro Dias, do grupo de Carlos Eduardo. E quem assumiu a cadeira na Câmara de Natal foi o vereador Dagô, do mesmo partido de Agripino.

Powered by WPeMatico

domingo

13

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Morre, aos 53 anos, o deputado federal Rômulo Gouveia, em Campina Grande, PB

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Morreu, na madrugada deste domingo (13), o deputado federal Rômulo Gouveia (PSD), em Campina Grande. Segundo a assessoria de imprensa do parlamentar, ele teve um infarto fulminante.

Após uma semana hospitalizado, para tratar uma infecção urinária, ele recebeu alta na noite deste sábado (12). No entanto, ao sentir os sintomas do infar­to, o deputado foi socorrido para o hosp­ital Antônio Targino, mas não resistiu.

O velório do deputado federal acontece a partir das 12h deste domingo na Câmara Municipal de Campina Grande. À noite, o corpo segue para o Cemitério Campo Santo da Paz, em Campina Grande, onde segue sendo velado até às 16h desta segunda-feira (14), quando será sepultado. O velório será aberto ao público.

Rômulo foi vereador de Campina Grande, presidente da Câmara Municipal, deputado estadual e presidente da Assem­bleia Legislativa da Paraíba, além de vice-gover­nador da Paraíba e atualmente era o quar­to-secretário da Câm­ara Federal, tendo recebido a maior vota­ção para ocupar um cargo da Mesa Diretora na história do Con­gresso Nacional. Quem assume o mandato efetivo na Câmara é o deputado federal Marcondes Gadelha (PSC).

Powered by WPeMatico