terça-feira

7

julho 2020

0

COMENTÁRIOS

Entidades do comércio do RN lamentam suspensão da retomada gradual da atividade econômica

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

isolamento socialAs principais entidades do comércio do Rio Grande do Norte lamentaram nesta terça-feira (7) a decisão do governo do estado em suspender a segunda fração da reabertura econômica, que entraria em vigor nesta quarta-feira (8). Em nota conjunta, as instituições enfatizam que “vêm desenvolvendo um trabalho sério e forte de conscientização dos empresários e dos seus colaboradores, podendo afirmar que este retorno vem se dando da maneira mais segura possível”.

A nota é assinada pela Fecomércio RN, FCDL RN, Facern, Associação Comercial do RN, CDL Natal, CDL Jovem Natal, AEBA, Associação Viva o Centro e Sindilojas RN. O motivo alegado pelo governo para adiar a segunda fração do plano de reabertura é a ocupação dos leitos de UTI por pacientes do novo coronavírus, que está acima dos 80% previstos pelo próprio governo. Esta etapa previa autorização para abertura de estabelecimentos como lojas com até 600 metros quadrados, com “porta para a rua”, e restaurantes de até 300 metros.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

happy wheels