terça-feira

5

maio 2015

0

COMENTÁRIOS

Ex-diretor da Petrobras afirma que a corrupção não desviou nem 10% do prejuízo da má gestão do PT na empresa

Por , Em Notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Ao falar sobre o balanço da Petrobras, o ex-diretor da estatal Paulo Roberto Costa disse em depoimento a CPI da Petrobras que a Lava Jato representa 10% do rombo que o governo deu na empresa. Isso por causa da decisão do governo de congelar os preços de derivados do petróleo, como a gasolina, para conter a inflação. “Nos últimos anos, a Petrobras se tornou a empresa mais devedora do mundo. Por quê? Para fazer grandes investimentos, só existem duas maneiras: ou gera caixa, ou vai aos bancos pegar dinheiro. A Petrobras não gerou caixa. A Lava Jato é repugnante? Sim, mas o maior problema, e que arrebentou a Petrobras, é a defasagem dos preços dos derivados”, afirmou Costa.

Pelas contas de Paulo Roberto Costa os erros da má gestão do PT deram um prejuízo de mais de 60 bilhões de reais a principal empresa estatal brasileira. A estimativa especula-se que a corrupção desviou cerca de 6 bilhões de reais da Petrobras.

ad-620x80-ANUNCIEAQUI

banner_seridopneus-770

happy wheels