terça-feira

10

setembro 2019

0

COMENTÁRIOS

Falta de zelo do gestor pelo erário público fez maioria da Câmara reprovar o REFIS em Caicó

Por , Em Notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

camara-caico-19

De acordo com os vereadores que rejeitaram a proposta do refis, o atual gestor de Caicó, Robson de Araújo, gasta os recursos públicos prodigamente, ou seja, sem respeitar as prioridades que tanto é cobrada pela população.

Para se ter uma ideia, foram pagos mais de três milhões com uma empresa que teve os seus serviços recusados pela Receita Federal e pelo Tribunal de Contas. Houve uma tentativa de aquisição de livros que são fornecidos gratuitamente pelo Ministério da Educação, e a gestão Batata iria gastar 500 mil reais com essa aquisição.

Estão sendo contratadas várias consultorias, como jurídicas e contábeis por cifras milionárias. Recentemente o prefeito alugou o antigo prédio de uma cooperativa no bairro Nova Descoberta por 480 mil reais.

O prefeito também é tido pelo grupo como um homem sem palavra, pois prometeu adquirir 2 carros coletores de lixo com o REFIS do ano passado, no entanto foi comprado apenas 1 caminhão. Outro fator alegado foi é falta de compromisso da gestão com recursos carimbados, a exemplo das emendas impositivas dos vereadores, que destinaram recursos para saúde e infraestrutura e até agora o prefeito não pagou essas emendas que beneficiavam diretamente a população. Esses foram os principais motivos da reprovação do projeto: “O Grupo não admite gestor pródigo”.

banner_seridopneus-770

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

happy wheels