quinta-feira

21

janeiro 2021

0

COMENTÁRIOS

Laboratório se reúne nesta quinta com Anvisa para defender liberação emergencial da Sputnik V

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

vacina sputnikRepresentantes do laboratório União Química têm reunião marcada na tarde desta quinta-feira (21) com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e devem defender a liberação emergencial da vacina Sputnik V no Brasil, ainda que o imunizante não tenha passado por teste da fase 3 no país.

O grupo havia protocolado junto à Anvisa um pedido de uso emergencial da vacina russa contra a Covid-19 em 15 de janeiro. O pedido foi devolvido ao laboratório no dia 16 por não apresentar “requisitos mínimos para submissão e análise”, de acordo com a agência. Segundo o presidente do laboratório União Química, Fernando de Castro Marques, a reunião desta quinta foi pedida pela Anvisa, que solicitou mais informações sobre a vacina.

A chamada fase 3 de testes é requisito obrigatório para que a Anvisa avalie pedidos de uso emergencial de vacinas. Até o momento, apenas a CoronaVac e a vacina de Oxford conseguiram liberação emergencial no país. Outros dois laboratórios realizam testes no Brasil, Pfizer e Janssen.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

happy wheels