quinta-feira

8

fevereiro 2018

0

COMENTÁRIOS

MP Eleitoral opina por prosseguimento da ação e pede quebra de sigilos

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Ministério Público Eleitoral opinou pelo prosseguimento da ação contra Tião Couto e seu vice, Jorge do Rosário, e ainda pediu a quebra dos sigilos de ambos após documentação indicando fraude na campanha de 2016 por abuso de poder econômico.

O MPE também pede a quebra de sigilo bancário e fiscal de empresas em que Tião Couto é sócio, incluindo a Empresa Brasileira de Serviços Perfurações Ltda. (EBS) e a G.T.W. Empreendimentos e Incorporações Ltda., e da Rosário Edificações e Pavimentações Ltda. (REPAV), de propriedade de Jorge do Rosário.

O processo corre na 33ª Zona Eleitoral de Mossoró e aguarda decisão do juiz Breno Valério Fausto de Medeiros.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

happy wheels