terça-feira

23

maio 2017

0

COMENTÁRIOS

MPRN denuncia Ricardo Motta por desvios de R$ 19 milhões do Idema

Por , Em Notícias

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

ricardo_motta_4

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ofereceu denúncia contra o deputado estadual Ricardo Motta ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. De acordo com a denúncia, entre janeiro de 2013 e dezembro de 2014, quando era presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, o parlamentar atuou no desvio de R$ 19.321.726,13 do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema).

Segundo o MPRN, as investigações foram realizadas a partir de desdobramentos da Operação Candeeiro, que investiga desvios de dinheiro do órgão estadual. A denúncia dá conta de que Ricardo Motta era o chefe de organização criminosa integrada também por Gutson Jonhson Giovany Reinaldo Bezerra, então diretor administrativo do Idema, Clebson José Bezerril, que chefiava a Unidade Instrumental de Finanças e Contabilidade (UIFC) da autarquia, Joao Eduardo de Oliveira Soares, Euclides Paulino de Macedo, e Antônio Tavares Neto, a qual foi montada para desvio de recursos públicos em benefício tanto do parlamentar quanto dos demais componentes do grupo.

Durante a investigação, a Procuradoria-Geral de Justiça fez um acordo de colaboração premiada com Gutson Jonhson Giovany Reinaldo Bezerra e Vilma Rejane Maciel de Sousa, que explicaram todo o funcionamento do esquema de desvio de recursos do Idema, apontando Ricardo Motta como o principal beneficiário. De acordo com o MPRN, as versões apresentadas pelos delatores são confirmadas com evidências reunidas durante a investigação.

banner_seridopneus-770

happy wheels