‘Não existe adulteração da minha parte, eu não tomei a vacina’, diz Bolsonaro

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) reafirmou nesta quarta-feira (3) que ele e a filha, de 12 anos, não tomaram vacina contra a Covid. Bolsonaro também negou que tenha havido adulteração nos cartões de vacinação da família.

O ex-presidente foi alvo de mandados de busca e apreensão nesta quarta. A Polícia Federal investiga se Bolsonaro e auxiliares inseriram informações falsas no sistema do Ministério da Saúde para obter um cartão de vacinação com doses que, na verdade, não foram aplicadas.

A TV Globo apurou que a fraude nos cartões de vacinação de Bolsonaro e da filha ocorreu em 21 de dezembro de 2022, pouco antes da viagem do ex-presidente para os Estados Unidos (no penúltimo dia de mandato). Após o lançamento de dados no ConecteSUS, é possível gerar um comprovante de imunização. Os dados foram retirados do sistema no dia 27 do mesmo mês.

Em entrevista após a operação da PF na casa em que mora em Brasília, Bolsonaro disse que nunca pediram a ele cartão de vacina para “entrar em lugar nenhum”. “Nunca me foi pedido cartão de vacina em lugar nenhum, não existe adulteração da minha parte. Eu não tomei a vacina, ponto final. Nunca neguei isso”, disse.

The post ‘Não existe adulteração da minha parte, eu não tomei a vacina’, diz Bolsonaro first appeared on Blog do Seridó.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770