segunda-feira

18

outubro 2021

0

COMENTÁRIOS

‘Nós não somos invisíveis, nós somos invisibilizadas’, diz Cármen Lúcia

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou nesta segunda-feira (18) que as mulheres ainda são vítimas de preconceito no Brasil e acabam se afastando do espaço político. Acrescentou que as mulheres não são invisíveis, mas, sim, “invisibilizadas”.

Cármen Lúcia deu as declarações ao discursar no seminário “Mais mulheres na política – sem violência de gênero”, promovido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A ministra presidiu o tribunal entre 2012 e 2013. “Nós não somos invisíveis, nós somos invisibilizadas pelos que não nos querem ver”, disse a ministra. Em seguida, chamou esse tipo de atitude de “violência cívica”.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

happy wheels