terça-feira

10

novembro 2020

0

COMENTÁRIOS

Itep começa coleta de impressões digitais de 8 mil presos no RN

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

coletaUma ação iniciada nesta segunda-feira (9) deverá coletar as impressões digitais de cerca de 8 mil homens e mulheres presos no sistema penitenciário do Rio Grande do Norte. O trabalho é desenvolvido por meio de uma parceria do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), com a Secretaria de Administração Penitenciária do Estado. O cadastramento teve início no presídio de Ceará-Mirim, na região metropolitana de Natal.

O projeto deverá alimentar a base de dados de impressões digitais, o que poderá facilitar a resolução de crimes a partir do confronto papiloscópico. As digitais cadastradas poderão ser comparadas com as encontrados em cenas de crimes, por exemplo. De acordo com o Itep, a ação é inédita no Brasil e tem o objetivo de evitar casos de falsidade ideológica e impedir que pessoas inocentes paguem por crimes no lugar dos verdadeiros culpados.

Powered by WPeMatico

happy wheels