terça-feira

28

setembro 2021

0

COMENTÁRIOS

Sebrae identifica alimentos regionais diferenciados no Rio Grande do Norte

Por , Em Seridó

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Uma bebida artesanal feita com frutos típicos do Rio Grande do Norte, a flor de sal que é produzida em salinas potiguares, a tilapia cultivada com rastreamento, gêneros com certificação orgânica, alimentos com o selo de Indicação Geográfica (IG) ou produtos terroir, como é o caso do mel de Jandaíra e os queijos do Seridó.

Esses são apenas alguns dos produtos que podem se candidatar para compor o catálogo de produtos com a cara do Rio Grande do Norte, que vão integrar uma grande ação de mercado para os Alimentos Brasileiros Diferenciados, com promoção desses produtos nacionalmente. O Sebrae no Rio Grande do Norte está identificando os itens que entrarão na lista.

Serão considerados aqueles alimentos e bebidas in natura e processados que tenham as seguintes características: tradicionais, coloniais, típicos, regionais e artesanais. Também são levados em conta atributos adicionais, como ser orgânico certificado, estar no Comércio Justo, possuir certificações socioambientais, serem oriundos da biodiversidade, inovadores ou gourmet.

Para participar, os empreendimentos precisam ser um pequeno negócio produtor de alimentos, in natura ou processados, ou bebidas, Microempreendedores Individuais (MEI), Microempresa, Empresa de Pequeno Porte ou produtor rural. Além disso, é requisito fundamental atender a pelo menos um desses conceitos: Tradicional e Colonial Típicos e Regional Artesanal.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

happy wheels