Diário: 06/05/2018

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Marinheiro e cunhado são vítimas de emboscada após dia de trabalho; um morre e outro é socorrido

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Dois homens que ainda não foram identificados foram vítimas de uma emboscada na noite deste domingo (6), quando voltavam de um dia de trabalho como condutores de barcos. Uma das vítimas era um marinheiro, que nos dias de folga presta serviços às pessoas que possuem barco, e o outro era o seu cunhado.

Pelas primeiras informações repassadas ao blog, os dois estavam trabalhando na Lagoa do Bonfim. No retorno para casa, por volta das 18h, em uma estrada de barro, ao lado da linha do trem, os dois foram abordados por criminosos a tiros. Um morreu e o outro está sendo socorrido.

Ainda não se sabe se foi algo encomendado, se foi tentativa de latrocínio ou outra coisa. A Polícia está investigando o caso.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Trabalho sob escombros de prédio que desabou deve levar mais 13 dias

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Pelo menos mais 13 dias serão necessários para o Corpo de Bombeiros chegar ao segundo subsolo do edifício Wilton Paes de Almeida, que desabou no dia 1° de maio, para garantir que não resta nenhuma vítima sob os escombros. Os trabalhos de busca por cinco desaparecidos já duram seis dias. Ainda estão sendo procurados um casal e uma mãe com os dois filhos gêmeos. Neste momento, 49 bombeiros atuam na operação.

De acordo com o tenente Guilherme Derrite, porta-voz do Corpo de Bombeiros, estão sendo utilizadas duas retroescavadeiras e uma escavadeira com uma espécie de gancho na ponta, chamada de mordedor hidráulico, que auxilia na movimentação do concreto para retirada de ferros retorcidos. Oito caminhões retiram os escombros do local.

São duas frentes de atuação do Corpo de Bombeiros: uma equipe de busca e resgate em estruturas colapsadas e outra fazendo rescaldo e resfriamento da estrutura. Derrite destacou que a todo momento o trabalho das máquinas é acompanhado pela equipe de resgate e, caso seja identificado alguma evidência dos desaparecidos, é iniciada a busca manual.

O tenente exemplificou que, quando as cadelas da corporação indicaram o provável local do corpo de Ricardo Pinheiro, 39 anos, foram necessárias 22 horas até que ele fosse encontrado. “Tivemos que tirar 8 metros de entulho até chegar ao corpo do Ricardo”, disse o tenente. Ricardo morreu quando já estava sendo resgatado pelos bombeiros. A identificação do corpo foi possível após realização de exame com as impressões digitais, segundo a Secretaria Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

Guilherme Derrite destacou que, por enquanto, a operação deve continuar no mesmo formato. “A linha mestra é o resfriamento, ele tem que ocorrer. Uma mudança estratégica grande é muito difícil. O que pode ocorrer é uma ou outra alteração tática”, explicou Derrite. Entre as alterações táticas está, por exemplo, a movimentação das linhas de mangueira.

Por entre o morro de concreto, é possível visualizar parte de roupas dos sobreviventes da tragédia. O trabalho das máquinas não para e uma fumaça branca ainda sai dos escombros. “É parte do trabalho de resfriamento que está sendo feito”, explicou Derrite.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Cerca de 360 mil famílias não têm onde morar na cidade de São Paulo

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

“Vim pra ocupação porque o aluguel estava muito caro e minha renda diminuiu. Eu procurei me adaptar a um lugar compatível com a minha renda”, disse o vendedor Antonio Davi, de 76 anos, que morava no edifício Wilton Paes de Almeida, localizado no Largo do Paissandu e que desabou na madrugada da última terça-feira (1º).

Ele perdeu parte da renda com a venda de purificadores de água e produtos de limpeza nos últimos anos, saiu de um apartamento alugado por R$ 600 na Vila Mariana, na zona sul da cidade, e passou a morar o prédio ocupado, onde pagava R$ 220, há um ano e três meses.

“Foi difícil [a mudança para o prédio ocupado], a adaptação foi difícil, muito difícil, mas o ser humano se adapta”, disse.

A situação de Antonio é a mesma de, pelo menos, 360 mil famílias no município de São Paulo que não têm onde morar. O número corresponde ao déficit habitacional da cidade, de acordo com a Secretaria Municipal de Habitação. Até 2020, a prefeitura pretende entregar 25 mil unidades habitacionais. Levando em conta o orçamento de R580 milhões anuais para construção de moradias, a estimativa, da própria prefeitura, é de que levará cerca de 120 anos para zerar o atual déficit.

Diante do cenário, muitos que não conseguem comprar a casa própria nem pagar um aluguel passaram a recorrer às ocupações de imóveis. A capital paulista registra 206 ocupações – de prédios e terrenos – que abrigam 46 mil famílias, segundo dados do Grupo de Mediação de Conflito da secretaria. Somente no centro da cidade, são 70 prédios ocupados com aproximadamente 4 mil famílias.

Após o incêndio e desabamento do edifício Wilton Paes de Almeida, a prefeitura anunciou vistoria dos 70 prédios na região central, o que gerou preocupação de representantes dos movimentos sociais com possíveis ações de reintegração de posse dos imóveis.

Na última quarta-feira (2), o prefeito Bruno Covas disse que poderia acionar a Justiça caso seja confirmado, em futuras vistorias, que os prédios não estão em condições de uso. Além das ocupações, mais 830 mil domicílios estão em assentamentos precários e precisam de algum tipo de melhoria, conforme informações da prefeitura.

Covas disse que, neste ano, seis reuniões tinham sido realizadas entre a secretaria de Habitação e moradores do edifício que desabou, com a finalidade de negociar uma desocupação.

Ele admitiu que, na avaliação da prefeitura, o prédio não estava adequado e não tinha as “condições necessárias” para moradia. Segundo movimentos sociais, foi oferecido somente o recebimento do auxílio-aluguel pelo prazo de 12 meses – no valor de R$ 400 – e inserção dos moradores na fila de programas habitacionais.

De acordo com o coordenador nacional do Movimento Nacional da População de Rua, Darcy Costa, o valor não é suficiente para uma família alugar um imóvel, o que leva a viverem na rua ou em ocupações. “A questão é que as pessoas não têm onde morar. Com esse valor, a pessoa não tem outro lugar para morar a não ser em uma ocupação”, disse.

“São situações que a própria prefeitura cria por falta da política pública, temos uma necessidade enorme em São Paulo, um déficit enorme, e nós temos também 290 mil imóveis vazios em São Paulo que poderiam ser utilizados para locação social”, acrescenta.

Já a prefeitura paulistana informou que não tem o levantamento de quantos imóveis estão vazios e que poderiam ser utilizados.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

logo-radioserido3-1

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Prefeitura diz que está monitorando obra da Prudente e recomenda motoristas a evitar a via

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

A Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) emitiu uma nota para explicar que o trecho da obra que provocou a abertura de uma cratera na avenida Prudente de Morais não ocorreu no túnel existe. Ainda no documento, a Secretaria garantiu que está monitorando 24 horas a obra e recomendou os motoristas a evitar o trecho nesta segunda-feira (7).

Confira a nota na íntegra

NOTA OFICIAL

Em virtude de boatos que vem sendo espalhados através das redes sociais, a Prefeitura Municipal do Natal vem explicar o que se segue a respeito do afundamento de trecho da obra na avenida Prudente de Morais:

A obra de drenagem que vem sendo executada para acabar com problemas de alagamento entre na bacia das ruas São José e Mor Gouveia não tem nada a ver com o túnel de mobilidade existente no local.

A obra da mobilidade é uma estrutura de concreto com estacas com 17 metros de profundidade e não apresentou qualquer problema na sua estrutura.

O buraco aberto na via ocorreu em função do encontro do túnel de drenagem fluvial que está sendo escavado com uma galeria de drenagem já existente. Devido às fortes chuvas houve perda de material causando recalque na área não há nenhuma relação com o túnel da mobilidade.

A obra em execução vem sendo monitorada e hoje mesmo foi feito o isolamento da área afetada e o aterramento.

A obra continua sendo monitorada 24 horas.

Até o final do dia de amanha o pavimento deverá estar recomposto. O tráfego está limitado na área a uma faixa na Prudente de Moraes e só será liberado depois da recomposição do piso.

Fiscais da STTU permanecerão na área orientando o trânsito. Os motoristas que puderem devem evitar a área amanhã para evitar o tráfego.

Secretaria Municipal de Comunicação

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Procuradoria da República aciona Polícia Federal para investigar desabamento de túnel na Prudente de Morais

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

por Dinarte Assunção

O procurador da República Kleber Martins de Araújo determinou, neste domingo (6), o desarquivamento de procedimento sobre a aplicação de recursos para obras da Copa do Mundo em Natal após trecho do asfalto da avenida Prudente de Morais beneficiado pelas obras ter desabado.

No mesmo despacho, Martins oficiou a Polícia Federal para investigar “as causas do desabamento parcial do túnel” e notificou procuradores que investigaram a aplicação dos recursos da Copa do Mundo na cidade para analisar se vão desenvolver nova investigação sobre o caso.

A estrutura que cedeu neste domingo veio abaixo após desgaste na tubulação situada entre o asfalto da Prudente de Morais e o túnel de tráfego de veículos que dá acesso à Capitão-Mor Gouveia. O equipamento foi parcialmente interditado para o fluxo de veículos.

À Polícia Federal, o procurador da República pediu a realização de perícia de engenharia do desabamento, de modo a checar que o foi construído equivale ao que foi projetado, bem como a qualidade desse material.

Martins também encaminhou pedido semelhante ao Corpo de Bombeiros, mas com outro propósito, para que, do ponto de vista da defesa civil, informe-se se há risco de novos desabamentos ou ampliação do já ocorrido.

Ainda ao longo do domingo, a cratera foi aterrada em serviço da prefeitura de Natal.

Kleber também determinou que o secretário de Obras Tomaz Neto dê, em um prazo de cinco dias, detalhes da obra e sobre o que foi feito tanto para evitar que o problema volte a acontecer.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Michel Temer libera mais de R$ 4 bilhões para estados e municípios

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O presidente Michel Temer anunciou, neste domingo (6), por meio de sua conta oficial no Twitter, que assinou a liberação de crédito suplementar no valor de R$ 4 bilhões para estados e municípios. Os recursos são resultado das compensações financeiras pela produção de petróleo e gás natural. “Estes recursos irão beneficiar a população brasileira”, destacou Temer, em seu comunicado.

Segundo o Palácio do Planalto, a sanç
ão do projeto de lei será publicada na edição de amanhã do Diário Oficial da União.

O crédito suplementar havia sido aprovado no último dia 25, pelo Congresso Nacional, e prevê, além da compensação financeira decorrente da exploração de petróleo e gás, no valor de R$ 4,3 bilhões, a compensação pela utilização de recursos hídricos na geração de energia elétrica, no valor de R$ 6,7 milhões, e devolução de R$ 18,3 bilhões de Imposto Territorial Rural.

Os recursos a serem repassados são oriundos de excesso de arrecadação de impostos pela União. Na justificativa do projeto de lei, o governo havia assegurado que as transferências não afetam o alcance da meta fiscal prevista para este ano, que projeta um déficit primário de R$ 159 bilhões.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Moradores e comerciantes da Zona Sul amargam transtornos e prejuízos por falta de energia

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Vários moradores e comerciantes dos bairros de Ponta Negra e Neópolis (conjunto Jiqui) amanheceram este domingo sem energia. As informações sobre o que motivou a interrupção do serviço ainda não foram divulgadas para os moradores.

As primeiras informações deram conta que o sistema seria restabelecido entre 12h e 14h, mas passado esse tempo, não houve religação. Informação repassada pelo serviço de atendimento ao cliente da Cosern para os afetados. Passado o horário, a energia não voltou. Após novos contatos, foi informado que a energia só retornaria por volta das 21h.

Alguns comerciantes do setor alimentício relataram ao blog que vários produtos que dependem de refrigeração ficarão impróprios para o uso e que terão que ser descartados, dando um prejuízo ainda não calculado. OS transtornos também são enormes para os moradores.

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

SUS realiza semana de Mobilização pela Saúde das Mulheres

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Com o tema Redução da Mortalidade Materna, a partir do próximo dia 28 será realizada a Semana de Mobilização pela Saúde das Mulheres no Sistema Único de Saúde (SUS). A ideia é fortalecer a promoção de ações para a saúde da mulher na atenção básica à saúde e difundir informações. A portaria que institui a semana foi publicada no Diário Oficial da União do dia 30 de abril.

Para estimular ações focadas no público feminino, o Ministério da Saúde vai liberar para os municípios R$ 14 milhões a serem investidos em saúde sexual e reprodutiva. O edital com a previsão de recursos está disponível no site do ministério desde o dia 16 de março com orientações aos gestores e metas a serem atingidas até 2022.

Entre as metas estão a redução de 17,5% para 15% da gravidez não planejada na adolescência até 2020; ampliar em 20% a oferta de DIU de cobre na atenção básica; aumentar de 37% para 67% a participação dos homens no pré-natal; e incluir as mulheres idosas no planejamento das ações de saúde sexual e climatério.

A semana terá início no dia 28 de maio por ser a data em que é celebrado o Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher.

Em 28 de maio do ano passado, a Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou dados que mostram que a hipertensão e a hemorragia estão entre as principais causas da mortalidade materna no Brasil e no mundo, e ocorrem principalmente pela má qualidade da assistência no pré-natal e no parto.

Segundo o Ministério da Saúde, a mortalidade materna no Brasil caiu 58% entre 1990 e 2015, de 143 para 60 óbitos maternos por 100 mil nascidos vivos.

As ações da semana serão coordenadas pela Coordenação-Geral de Saúde das Mulheres, do Ministério da Saúde, em parceria com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), com o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), com a Comissão Intersetorial de Saúde da Mulher (Cismu) e entidades de classe.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Buscas por cinco desaparecidos chegam ao 6º dia em São Paulo

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

A partir desta semana, 178 famílias atingidas pelo desabamento do edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo Paissandu, poderão sacar o auxílio-moradia, informou, por meio de nota, a prefeitura de São Paulo.

As famílias devem assinar um termo de adesão. De acordo com o governo municipal, 97 eram moradores do prédio e 81 pessoas serão beneficiadas porque tiveram os imóveis interditados. Hoje (6), o trabalho de busca por cinco desaparecidos nos escombros completa seis dias.

Cerca de 10 toneladas de escombros já foram retiradas, mas ainda há muito entulho. De acordo com o tenente André Elias, porta-voz do Corpo de Bombeiros, 49 homens trabalham no local neste momento. São duas frentes de atuação: uma equipe de busca e resgate em estruturas colapsadas e outra fazendo rescaldo e resfriamento da estrutura. Cinco pessoas ainda estão desaparecidas: um casal e uma mãe com seus dois filhos gêmeos.

Elias informou que a todo momento o trabalho das máquinas é acompanhado pela equipe de resgate e, caso seja identificado alguma evidência dos desaparecidos, é iniciada a busca manual. Além de duas retroescavadeiras, estão sendo utilizados cachorros na operação. Ele destacou ainda que a estratégia, por enquanto, permanece a mesma, mas pode ser reavaliada.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

PESQUISA FIERN/CERTUS: 61,56% do eleitorado ainda não sabe em quem votar para o Governo

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Sistema Fiern divulgou hoje a pequisa realizada pelo instituto Consult sobre as eleições de 2018. E, no atual cenário, 61,56% do eleitorado potiguar ainda não sabe em quem votar para governador.

Ainda de acordo com os números da pesquisa espontânea, aquela em que o entrevistado não tem acesso à lista com os nomes dos candidatos, 22,34% afirmaram que não pretende votar em qualquer dos nomes. Fátima Bezerra lidera com 5,89% intenções de voto, seguida por Carlos Eduardo Alves com 4,33%, Kelps Lima com 1,21% e Robinson Faria com 1,13%. Os demais citados não somaram 1%.

A pesquisa foi elaborada no período de 27 a 30 de abril, com 1410 entrevistados, em 7 regiões, 40 municípios e com margem de erro de 3% para mais ou para menos. E está registrada na justiça eleitoral sob os números RN-01096/2018 e BR-08786/2018. A pesquisa encomendada pelo Sistema Fiern foi realizada pelo Instituto Certus.

Powered by WPeMatico

banner_seridopneus-770

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Prazo para motoristas com deficiência pedirem isenção cai para 3 dias

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Em pouco mais de quatro meses de funcionamento, a nova plataforma eletrônica da Receita Federal para processar os pedidos de isenção de impostos na compra de veículos reduziu para 72 horas (três dias) o prazo de concessão do benefício. Até o fim do ano passado, quando o processo era manual, pessoas com deficiência e taxistas levavam até 100 dias para receberem a resposta.

Segundo levantamento divulgado recentemente pela Receita, cerca de 200 mil pedidos de isenção de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) deixarão de ser protocolados a cada ano nas unidades de atendimento do Fisco. Desse total, 150 mil são de pessoas com deficiência e 50 mil de taxistas.

A Receita recomenda que os motoristas que tenham entrado com processo físico e ainda não tenham obtido a decisão refaçam o pedido pela internet para reduzirem o tempo de resposta. Disponível na página da Receita Federal na internet, o Sistema de Controle de Isenção de IPI/IOF (Sisen) foi lançado no fim de dezembro.

De acordo com o Fisco, a rapidez do Sisen consiste na integração de diversas bases de dados, como o Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), o Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) e bases internas da própria Receita Federal, como o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) e as certidões de contribuintes que devem tributos ou estão inscritos na Dívida Ativa da União.

Anteriormente, o contribuinte tinha de ir a uma unidade da Receita pedir o benefício. A verificação manual das bases de dados retardava o processo. Em caso de rejeição do pedido ou de necessidade de o comprador do veículo corrigir ou prestar informações complementares, o prazo total levava até 100 dias.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

PESQUISA CERTUS/FIERN: Mais da metade dos potiguares desaprova gestão de Robinson

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Entre os números da pesquisa do Sistema Fiern, realizada pelo instituto Certus, está também a avaliação da gestão estadual e, de acordo com ela, mais da metade dos potiguares desaprova a forma como o governador Robinson Faria vem administrando o Estado.

A administração do governador Robinson Faria é avaliada como péssima por 55,60%, Regular 21,06%, Ruim 15,11%, Boa 4,04%, Não sabe 2,55%, Ótima 2,35% e Não Respondeu 0,28%.

A pesquisa foi elaborada no período de 27 a 30 de abril, com 1410 entrevistados, em 7 regiões, 40 municípios e com margem de erro de 3% para mais ou para menos. E está registrada na justiça eleitoral sob os números RN-01096/2018 e BR-08786/2018. A pesquisa encomendada pelo Sistema Fiern foi realizada pelo Instituto Certus.

O Sistema FIERN informou que a pesquisa completa vai estar disponível a partir do meio dia no site da Federação.

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

PESQUISA CERTUS/FIERN: Desaprovação do Governo Temer ultrapassa 88%

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Sistema Fiern está divulgando hoje mais uma rodada de pesquisa eleitoral. E entre os números, o governo do presidente Michel Temer, que recentemente voltou a levantar a possibilidade de sair à reeleição, não são muito favoráveis.

A administração do presidente Temer é desaprovada por 88,37% dos entrevistados. Apenas 5,67 aprovam. Praticamente mesmo percentual dos que não sabem ou não responderam que é de 5,95%.

A pesquisa foi elaborada no período de 27 a 30 de abril, com 1410 entrevistados, em 7 regiões, 40 municípios e com margem de erro de 3% para mais ou para menos. E está registrada na justiça eleitoral sob os números RN-01096/2018 e BR-08786/2018.

O Sistema FIERN informou que a pesquisa completa vai estar disponível a partir do meio dia no site da Federação.

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 28 milhões nesta semana

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Não houve acertadores para as seis dezenas do concurso 2.037 da Mega-Sena, realizado na noite de ontem (5), em Xanxerê. As dezenas sorteadas foram: 14 – 16 – 23 – 30 – 45 – 60.

O prêmio estimado era de R$ 22 milhões, e, para o próximo concurso, é esperado um prêmio de R$ 28 milhões.

A Quina teve 48 acertadores, e cada um vai levar R$ 58.276,76. Outras 4.609 pessoas ganharam na Quadra, com prêmio de R$ 867,02 para cada.

Agência Brasil

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Chuvas na madrugada provocam alagamentos em Natal

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

A chuva constante que caiu durante a madrugada e início da manhã deste domingo (6), mesmo não tendo sido tão forte, foi possível de provocar estragos e transtornos como alagamentos e fechamentos de ruas.

Na rua Dr. José Gonçalves, aquela que fica na lateral da academia Pulse, em Lagoa Nova, mais uma vez alagou. Moradores enviaram imagens do problema, que é antigo e recorrente.

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Trecho da Prudente que secretário taxou como “idiota” cede e via fica interditada

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

No meio dessa semana, um vídeo circulou nos grupos de WhatsApp mostrando que o asfalto da Prudente de Morais, na altura da Arena das Dunas, estava cedendo. No mesmo dia, em contato com o blog, o secretário-adjunto de Obras de Natal, Tomáz Neto, taxou o vídeo como “idiota”, alegando que ele foi feito por uma pessoa que não sabia do que estava falando e garantindo a segurança via e que aquilo era normal.

Pois bem, na manhã deste domingo, após as constantes chuvas que caíram durante a madrugada,  mesmo trecho simplesmente cedeu. Um enorme buraco foi feito no meio da avenida, que se encontra interditada até que os reparos sejam feitos.

Nas imagens a que o blog teve acesso, é possível ver que lonas estão tampando o buraco para minimizar o problema com mais infiltrações de chuvas e que as placas já começaram a ser engolidas pelo buraco.

O secretário Tomáz Neto foi novamente procurado agora pela manhã, mas não atendeu às ligações do blog.

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Especialistas descartam surto de H1N1 no RN

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Nos últimos dias, nos grupos de WhatsApp e nas redes sociais, temos visto cada vez mais mensagens de um possível surto da gripe H1N1. São diversas formas de prevenção, alertas sobre possíveis casos, cuidados que devemos ter. A chuva de informações é grande, mas, em reportagem à Tribuna do Norte, especialistas descartaram o surto e explicaram o número de casos notificados está condizente com o período do ano e que é menor que no mesmo período do ano passado. Em Natal, foram notificados 25 casos.

As pessoas precisam ter cuidado sim porque sintomas como febre, dores no corpo, dor de garganta e dor de cabeça são sinais de que algo está errado, mas, não obrigatoriamente, que é um caso de H1N1. Existem mais de 200 tipos de vírus que provocam esses sintomas e as chuvas rápidas, o clima abafado e os ambientes climatizados fechado ajudam na propagação dos vírus.

Assim que surgiu como “Gripe Suína”, o H1N1 foi preocupando, mas hoje ele não é considerado mais perigoso que as outras variações de vírus, como explica o infectologista Luis Alberto Marinho: “A doença é, estatisticamente, no máximo de média gravidade. O H1N1 não é mais grave do que os outros vírus-gripe, como costumamos chamá-los. Ele está entre nós desde 2009, quando houve a pandemia”.

Ele, ainda em entrevista à Tribun, ressaltou que a vacina que está sendo atualmente disponibilizada, a princípio para os grupos de risco, contempla exatamente os vírus que estão circulando este ano. “A vacina é preparada no ano anterior. Por sorte, a vacina que foi preparada em 2017 contempla exatamente os vírus que estão circulando em 2018, o que é positivo”, diz o médico ao lembrar que a vacina é trivalente: contempla o H1N1, o H3N2 e um da influenza B.

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

PESQUISA CERTUS/FIERN: Fátima lidera com 25,60% seguida de Carlos Eduardo com 14,54%

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Sistema FIERN divulgou no início deste domingo nas suas redes sociais pesquisa encomendada ao Instituto CERTUS. A pesquisa foi elaborada no período de 27 a 30 de abril, com 1410 entrevistados, em 7 regiões, 40 municípios e com margem de erro de 3% para mais ou para menos. E está registrada na justiça eleitoral sob os números RN-01096/2018 e BR-08786/2018.

Para o governo do estado no cenário estimulado, o resultado ficou: Nenhum 31,49%, Fátima Bezerra 25,60%, Carlos Eduardo 14,54%, Não sabe 8,87%., Geraldo Melo 7,66% e outros 11.84%.

O Sistema FIERN informou que a pesquisa completa vai estar disponível a partir do meio dia no site da Federação.

 

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

PESQUISA CERTUS/FIERN: LULA lidera no RN com 40,07% seguido de Bolsonaro com 7,73%

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

O Sistema FIERN divulgou no início deste domingo nas suas redes sociais pesquisa encomendada ao Instituto CERTUS. A pesquisa foi elaborada no período de 27 a 30 de abril, com 1410 entrevistados, em 7 regiões, 40 municípios e com margem de erro de 3% para mais ou para menos. E está registrada na justiça eleitoral sob os números RN-01096/2018 e BR-08786/2018.

Para presidente da republica com o Presidente LULA constando no cenário estimulado, o resultado ficou: Lula 40,07%, Jair Bolsonaro 7,73%, Ciro Gomes 2,98% e Marina Silva 2,91%. NENHUM 27% e não sabe 12,34%. Outros 6,97%.

 

 

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Para 55% dos Brasileiros, opinião pública influencia decisões dos ministros do STF

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Levantamento exclusivo do instituto Paraná Pesquisa para o site Diário do Poder avaliou quanto os entrevistados acreditam que a opinião pública exerce influência sobre ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) em julgamentos de casos polêmicos, como o do ex-presidente Lula: 55,3% concordam que os ministros sofrem influência e 37,3% não acreditam que os ministros são influenciados pela opinião pública.

Eleitores de 25 a 34 anos são os que mais acreditam na influência da opinião pública no STF: para 56,9%, os ministros são influenciados.

São eleitores formados no Ensino Superior os que menos acreditam na influência da opinião pública sobre o STF: 42,2% não acreditam.

Foram 7,4% os que não souberam responder ou não opinaram sobre a influência da opinião pública em julgamentos polêmicos no STF.

O Paraná Pesquisa entrevistou 2.002 eleitores em 154 cidades de 26 estados e DF, entre 27 de abril e 2 de maio. Nº BR-02853/2018/TSE.

DIÁRIO DO PODER

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Jornalista recebe ameaças após criticar Bolsonaro

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Na quarta-feira, 18, o diretor do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul, Roberto Carlos Dias, falou sobre as ameaças que vem sofrendo de internautas após postar crítica ao deputador federal Jair Bolsonaro (PSL/RJ). O profissional da imprensa denunciou a situação à Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa.

O jornalista conta que escreveu mensagem nas redes sociais que dizia “não adianta lamentar a morte de uma criança estuprada e defender o Bolsonaro, réu em dois processos por apologia ao estupro”. A opinião resultou em onda de agressões e intimidações no Facebook e em grupos de whatsapp. “Vamos arrebentar este lixo. Vamos atirar com bala de sal para que o ferimento nunca cure. Vamos pegá-lo na rua” foram algumas das ameaças relatadas por Roberto Carlos Dias, que ainda contou sobre um episódio além do mundo digital. De acordo com o jornalista, ele foi intimidado por um taxista num restaurante em Caxias do Sul.

“Vivo um exílio doméstico. Vou da casa para o trabalho e do trabalho para casa. Não posso mais circular livremente, pois não sei até que ponto essas pessoas podem ir. Os comentários fortes que fazem mostram que não têm limites”, desabafou o comunicador de acordo com reportagem do sindicato.

Os casos de ameaça ao jornalista Dias serão acompanhados. Deputado pelo PSOL, Pedro Ruas vai conversar com o titular da Delegacia de Polícia, onde o boletim de ocorrência foi registrado. Além disso, o Ministério Público Estadual será procurado para que a investigação tenha acompanhamento. “Não estamos diante de um grupo de bate-papo nas redes sociais, mas de uma rede que se organiza para ameaçar, intimidar e violar direitos. É preciso tornar estas pessoas visíveis, pois a experiência mostra que são valentes nas redes. Na frente do juiz a conversa muda”, afirmou a deputada Manuela d’Ávila (PCdo B), que participou da reunião no orgão legislativo e defendeu o encaminhamento do caso para a Delegacia Especializada em Crimes Virtuais. Para a parlamentar, grupos de whatsapp que ameaçam de agressão e de atentado à vida “são quadrilhas, organizações criminosas que devem ser combatidas pela polícia”.

COMUNIQUE-SE

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Helicóptero que levava noiva para festa de casamento cai e deixa três feridos em SP

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

ctv-gxx-helicoptero-noiva

Um helicóptero caiu em Vinhedo, no interior paulista, enquanto levava uma noiva para sua festa de casamento, no fim da tarde deste sábado, 5.  De acordo com a Polícia Militar, a aeronave que levava quatro pessoas rodopiou no ar e caiu pouco antes de pousar na área externa de uma casa de eventos, onde os convidados a aguardavam. Segundo a Polícia Militar, só um dos ocupantes da aeronave teve escoriações. O resgate foi registrado às 17h36.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o helicóptero se incendiou após a queda, mas todos os quatro ocupantes conseguiram escapar. A noiva, cujo nome não foi divulgado, não teve ferimentos. O piloto do helicóptero, assim como um fotógrafo e uma criança que estavam na aeronave, tiveram ferimentos leves e foram socorridos pela ambulância da prefeitura local.

Há quase um ano e meio, no dia 4 de dezembro de 2016, quatro pessoas morreram na queda de um helicóptero que também levava uma noiva ao casamento, em São Lourenço da Serra, cidade do sudoeste da região metropolitana de São Paulo. As vítimas foram a noiva Rosemere Nascimento Silva, de 32 anos, o irmão dela, uma fotógrafa grávida e o piloto da aeronave.

ESTADÃO

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

PMs morrem após serem encontrados desacordados dentro de viatura no Rio

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Dois policiais morreram neste sábado, 5, no Rio, após serem encontrados desacordados dentro de uma viatura policial na Estrada Roberto Burle Marx, na Barra de Guaratiba, zona oeste da cidade. Eles chegaram a ser levados para o Hospital Lourenço Jorge, na mesma região, mas não resistiram. A Polícia Militar aguarda a perícia dos corpos para saber a causa das mortes.

De acordo com a Polícia Militar, o sargento Rosemberg de Jesus Príncipe, 38 anos, e o soldado Bruno Pereira Martins dos Santos, 36 anos, eram lotados no 31º Batalhão da Polícia Militar, no Recreio, também na zona oeste da cidade. O Sargento Príncipe estava na PM desde 2005. Era solteiro e não tinha filhos. O soldado Bruno, que entrou para a PM em 2013, era casado e deixa dois filhos.

Pelas redes sociais, colegas dos PMs relembraram um caso semelhante ocorrido em 2016. Dois policiais foram encontrados inconscientes dentro de uma viatura no bairro do Engenho Pequeno, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio, com espuma na boca. A suspeita na época era de que eles teriam sido envenenados pelo gás do escapamento da própria viatura. A PM não confirmou se, na ocorrência de hoje, também havia vestígios de intoxicação, como no caso de 2016, e informou que vai aguardar a perícia.

ESTADÃO

 

Powered by WPeMatico

domingo

6

maio 2018

0

COMENTÁRIOS

Shoppings devem precisar de 4 anos para ocupar 12 mil lojas que estão vazias

Por , Em Fonte BG

Compartilhar paraShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

Apesar de a economia brasileira ter voltado ao azul, a crise deixou marcas profundas no setor de shoppings. Há hoje cerca de 1 milhão de metros quadrados vagos nos 522 shoppings espalhados pelo País. São 12,5 mil lojas desocupadas. Se nenhum novo empreendimento fosse construído ou ampliado, seriam necessários pelo menos quatro anos para que todo o espaço vazio fosse ocupado.

Isso é o que revela um estudo do Ibope Inteligência sobre a vacância do setor. No último ano, houve uma melhora na ocupação, sobretudo nos shoppings consolidados, construídos antes de 2012. Nesse grupo, 8,5% das lojas estavam vagas em 2017. Neste ano, essa marca caiu para 7,9%. Nos shoppings novos, abertos a partir de 2013, a vacância em número de lojas, que atingiu o pico de 46% em 2017, recuou para 41% este ano.

Mas a situação ainda é bem crítica nos shoppings novos, afirma Marcia Sola, diretora executiva de Shopping, Varejo e Mercado Imobiliário do Ibope. “Nos shoppings novos, a torneira está aberta em cima do ralo: entra contrato novo de locação, mas eles perdem varejistas.”

Foi exatamente esse movimento que se viu nos últimos três anos no comércio em geral. De 2015 a 2017, entre abertura e encerramento, o saldo de lojas foi negativo em 226 mil, aponta a Confederação Nacional do Comércio (CNC). Para este ano, o economista-chefe da CNC, Fabio Bentes, projeta um saldo positivo de 20,7 mil lojas. Com o ritmo lento de recuperação, ele confirma a projeção do Ibope. “Não será possível repor antes de 2022 todos os pontos de venda fechados por causa da crise.”

Além da retração da atividade, a imprudência dos investidores em novos projetos, que superestimaram o mercado, foi outro fator que contribuiu para grande ociosidade nos shoppings hoje, observa Marcia. Nos inaugurados em 2017 e localizados no Sudeste, por exemplo, a situação é mais crítica: quase metade (49%) das lojas está vaga, uma marca muito acima da média nacional (41%).

De fato, houve um boom de shoppings. Entre 2012 a 2016, foram abertos 128 empreendimentos, lembra o presidente da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), Glauco Humai. “Com a crise, ocorreu uma tempestade perfeita que fez com que os shoppings novos tivessem maior dificuldade de amadurecimento. Mas isso não aconteceu com todos.”

A Abrasce não monitora a vacância dos shoppings novos separadamente dos consolidados. Nas contas da entidade, a taxa média de vacância do setor como um todo gira em torno de 5,7% em número de lojas. “A taxa tem flutuado mês a mês e é administrável”, afirma Humai. Ele diz que não conhece a metodologia e a base de dados dos indicadores apurados pelo Ibope e, por isso, não pode comparar os resultados.

ESTADÃO

Powered by WPeMatico